Portugal
"É penálti e a partir daí o jogo fica adulterado", diz Daniel Ramos
2019-05-12 22:30:00
Rio Ave perdeu por 3-2 frente ao Benfica

Depois das criticas de Fábio Coentrão à arbitragem de Hugo Miguel, também Daniel Ramos, técnico do Rio Ave, considera que o juiz errou no lance que deu origem ao segundo golo encarnado. Na zona de entrevistas rápidas, o treinador refere que o jogo ficou adulterado depois desse lance. 

"Vi o lance, é penálti e a partir daí o jogo fica adulterado. Podia dar o 1-1 e acabou por ser o 0-2 no contra-ataque. Foi o que eu vi, é a minha opinião e foi um lance com muito peso no jogo", afirmou. 

Sobre o encontro, Daniel Ramos sublinha que "foi um grande jogo de futebol" e que só faltou ao Rio Ave "sofrer menos golos que o Benfica". 

"Foi um grande jogo de futebol, com duas equipas a jogar para vencer. Só nos faltou sofrer menos golos do que o Benfica e marcar mais. Fizemos três, dois foram validados e um não. Ficamos com a sensação de que isto podia ter sido diferente mas saímos orgulhosos pela nossa prestação. Houve várias nuances táticas, eu pelo menos fi-lo e a equipa respondeu. Tentámos partir o jogo, não conseguimos o que queríamos, que era vencer, mas saímos de cabeça erguida", afirmou. 

Sê o primeiro a comentar: