Grande Futebol
Tempestade Musa na segunda parte dá triunfo à Nigéria (2-0); Argentina respira
2018-06-22 17:55:00
A Nigéria não fez qualquer remate na primeira parte, mas mostrou outra cara na segunda. Sigurdsson desperdiçou penálti.

A Nigéria venceu a Islândia, por 2-0, esta sexta-feira, em partida a contar para a segunda jornada do grupo D do Mundial. Musa foi a grande figura do encontro, ao apontar os dois golos que resultaram no triunfo da seleção africana. Depois de uma primeira parte em que não fez qualquer remate, a Nigéria apareceu transfigurada no segundo tempo e conseguiu chegar aos dois golos, que até dão jeito à Argentina de Messi. Os argentinos vão medir forças com os nigerianos na última jornada.

O primeiro tempo ficou marcado pela superioridade islandesa, a ser presença constante no meio-campo dos nigerianos, que não foram eficazes no processo ofensivo. De facto, poucos instantes antes do intervalo, a seleção europeia até chegou a ficar perto do golo, primeiramente por Finnbogason e depois por Bodvarsson. Além disso, a Nigéria não fez qualquer remate nos primeiros 45 minutos.

Contrariamente ao que se passou na primeira parte, a Nigéria regressou dos balneários a todo o gás e fez o primeiro remate no encontro logo aos 26 segundos do segundo tempo. O ímpeto dos africanos foi correspondido com a vantagem no marcador, que nasceu num lance de contra-ataque. Tudo começou num lançamento lateral da Islândia, com a bola a ser colocada na área nigeriana… ora, a defensiva cortou o lance e em poucos segundos o esférico estava a chegar perto da área dos europeus. Moses fez o cruzamento e Musa dominou a bola dentro da área e rematou para o fundo das redes. 1-0 para a Nigéria aos 49 minutos.

Mesmo em vantagem no resultado, a Nigéria não tirou o pé do acelerador e até enviou a bola à barra da baliza de Halldorsson, por intermédio de Musa aos 74’. Precisamente um minuto depois, foi o próprio Musa a voltar a fazer o gosto o pé. Após um passe de Omeruo, Musa acelerou com bola pelo corredor, entrou na área islandesa, tirou o guarda-redes adversário da frente e com toda a calma do mundo aumentou a vantagem dos nigerianos.

A Islândia ainda teve oportunidade de reduzir, mas Gylfi Sigurdsson desperdiçou uma grande penalidade aos 83 minutos.O resultado final foi mesmo o 2-0 e a verdade é que até deixou os argentinos a respirar de alívio, pois assim o segundo lugar do grupo continua em aberto, sendo que nigerianos e argentinos defrontam-se na última jornada.

Onze da Nigéria: Uzoho; Balogun, Troost-Ekong, Omeruo; Moses, Ndidi, Obi Mikel, Etebo (Iwobi, 90'), Idowu (Ebuehi, 46’); Musa e Iheanacho (Ighalo, 85').

Onze da Islândia: Halldorsson; Saevarsson, Árnason, Ragnar Sigurdsson (Ingason, 65'), Magnusson; Gíslason, Gunnarsson (Skúlason, 87'), Gylfi Sigurdsson, Bjarnason; Bodvarsson (Sigurdarson, 71') e Finnbogason.

Resultados - Grupo D
Argentina-Croácia, 0-3
Nigéria-Islândia, 2-0

Classificação
1.º Croácia, 6 pontos / 2 jogos
2.º Nigéria, 3 / 2
3.º Islândia, 1 / 2
4.º Argentina, 1 / 2

Participa na Liga NOS Virtual
RealFevr
Liga Bancada

Criar equipa