Visto da Bancada
Jaime Magalhães (nº 47)
2017-07-17 20:00:00
O campeão europeu pelo FC Porto em 1987 vibrou na bancada em Gelsenkirchen com nova conquista dos dragões em 2004

Campeão europeu pelo FC Porto em 1987, Jaime Magalhães teve o prazer de vibrar "in loco", mas desta vez na bancada, com a segunda conquista europeia do FC Porto, decorria a época 2003/04. O centro-campista elege o jogo de Gelsenkirchen, frente ao AS Monaco, como aquele que mais alegria lhe deu na condição de adepto na bancada, até porque tinha uma companhia muito especial. "Nunca mais esqueço esse jogo e essa viagem a Gelsenkirchen, até porque fui na companhia da minha filha", lembra a antiga estrela dos azuis e brancos, sublinhando a importância do título europeu. "Na primeira conquista estava no relvado e poder assistir ao vivo ao segundo título do FC Porto foi uma enorme alegria. Foi a afirmação completa do FC Porto a nível europeu."

Os dragões defrontaram o AS Monaco, do atual selecionador de França, Didier Deschamps, onde militavam estrelas como Morientes, Rothen ou Evra, e acabaram por vencer de forma clara e inequívoca por 3-0. "Foi um jogo muito bem conseguido da nossa parte. O FC Porto dominou sempre, com grande classe, vencendo com toda a justiça, para alegria dos muitos adeptos que estavam na Alemanha", refere Jaime Magalhães, recordando jogadores como "Alenitchev e Deco". "Foram os expoentes da enorme classe evidenciada pela equipa do FC Porto."

Deco, aos 71 minutos, e Alenitchev, aos 75, acabaram com qualquer veleidade da equipa monegasca, depois de Carlos Alberto ter inaugurado o marcador à passagem do minuto 39. 

O histórico onze do FC Porto, liderado por José Mourinho, foi composto por Vítor Baía, Paulo Ferreira, Ricardo Carvalho, Jorge Costa, Nuno Valente, Costinha, Pedro Mendes, Maniche, Deco, Carlos Alberto e Derlei. Pedro Emanuel, Alenitchev e Benni McCarthy entraram para os lugares de Carlos Alberto, Deco e Derlei.

Participa na Liga NOS Virtual
RealFevr
Liga Bancada

Criar equipa