Grande Futebol
PAOK, AEK, um golo anulado e um presidente com uma arma em pleno relvado
Redação Bancada
2018-03-11 20:55:00
PAOK-AEK foi interrompido já perto do final depois de um golo anulado ter despoletado uma enorme confusão.

Acabou em grande confusão o jogo do título na Grécia. Tudo por culpa de um golo anulado ao PAOK em cima do minuto 90 e que poderia ter dado a vitória à equipa da casa numa altura em que o AEK lidera a liga grega com 54 pontos e o PAOK segue na perseguição com menos cinco pontos. O golo anulado fomentou protestos duros por parte dos responsáveis do PAOK, com o presidente e o vice presidente do clube a invadir o relvado e, segundo a imprensa grega, a ameaçar física e profissionalmente o árbitro da partida. O presidente do PAOK terá mesmo invadido o relvado com uma arma à cintura. Só visto.

O golo anulado ao PAOK:

A invasão de campo:

A fotografia da polémica:

Sê o primeiro a comentar: