Prolongamento
Vítor Catão e São Pedro da Cova alvo de buscas
2019-10-09 17:15:00
Polícia Judiciária procura indícios relativos ao caso do alegado sequestro de César Boaventura

A Polícia Judiciária realizou hoje buscas na casa de Vítor Catão e nas instalações do São Pedro da Cova, no âmbito do caso do alegado sequestro de César Boaventura, avançou a revista Sábado.

A publicação referiu ainda que Vítor Catão, dirigente do São Pedro da Cova, não foi constituído arguido.

O caso do alegado sequestro remonta a março, quando o dirigente publicou nas redes sociais um vídeo em que surge a discutir com César Boaventura, no interior de um carro que estaria parado junto ao campo do São Pedro da Cova.

O empresário queixou-se de ter sido sequestrado, agredido e coagido por Vítor Catão, numa discussão mediática que se arrastou pela imprensa e redes sociais.

A notícia das buscas já motivou uma reação de César Boaventura.

"A justiça tarda mas não falha. Uma coisa é certa, mais que a divina nenhuma", escreveu o empresário, nas redes sociais.