Prolongamento
"Trabalho dos profissionais de saúde não se paga com Liga dos Campeões", diz BE
2020-06-18 19:35:00
Bloco de Esquerda e PSD reagem às declarações de António Costa

Bloco de Esquerda e PSD já se alinharam na 'guerra' ontem aberta pelo primeiro-ministro, a propósito da atribuição da Liga dos Campeões à cidade de Lisboa.

Isto porque António Costa classificou a decisão da UEFA como "um prémio merecido aos profissionais de saúde".

Moisés Ferreira, deputado do Bloco de Esquerda, respondeu que os profissionais de saúde não precisam que a Liga dos Campeões se jogue em Lisboa, mas sim de condições de trabalho.

"O esforço e o trabalho dos profissionais de saúde não se paga com a Liga dos Campeões. Paga-se com valorização das suas carreiras, melhoria das condições de trabalho e com reforço do Serviço Nacional de Saúde", defendeu o deputado, esta tarde, no Parlamento.

"Os profissionais de saúde não andam a pedir prémios escondidos dentro das quatro linhas, o que querem é condições para realizar o seu trabalho", reforçou Moisés Ferreira.

Também o PSD não deixou passar em claro as declarações de António Costa sobre a Liga dos Campeões em Lisboa.

"Está na hora de valorizar a carreira dos enfermeiros e deixar-se de conversa da treta, como aquela que ontem ouvimos de que a final da Champions em Lisboa é um prémio aos profissionais de saúde", afirmou o deputado social-democrata Jorge Paulo Oliveira.