Prolongamento
Nadal impressiona no court e nas palavras. Assim fala um verdadeiro campeão
2019-09-09 11:50:00
Depois de uma final incrível, os adeptos do ténis tiveram direito a um discurso de um verdadeiro campeão

Rafael Nadal venceu pela quarta vez o US Open, neste domingo, derrotando o russo Daniil Medvedev, na final de Flushing Meadows, pelos parciais de 7-5, 6-3, 5-7, 4-6 e 6-4, em quatro horas e 51 minutos.

Uma final impressionante, “um jogo de loucos”, como o próprio carateriza, momentos depois de conquistar o 19.º título do Grand Slam. Tão impressionante como a vitória terá sido o discurso.

“A primeira palavra tem de ser dedicada ao Daniil Medvedev (…). Hoje, toda a gente percebeu por que razão ele é o quarto melhor do mundo, apesar de ter apenas 23 anos. Ele está de parabéns”, começou por referir, na entrevista após o jogo.

Nadal insistiu em elogiar o adversário: “A forma como ele se predispôs para lutar, para mudar o ritmo do jogo, foi incrível. Ele está de parabéns, assim como a sua equipa. Desejo-lhe as maiores felicidades para o futuro”.

Dirigindo-se ainda a Medvedev, Nadal manifestou uma certeza: “Estou certo de que terás muitas outras oportunidades de vencer aqui”.

Ao lado, o tenista russo, sem microfone, repetia a palavra “obrigado”, que se lia com clareza nos seus lábios.

Rafael Nadal manifestava “dificuldade em falar”, por se tratar de “uma das noites mais emotivas da sua carreira”. “Sinto-me emocionado”, confessou, sentimento que mal disfarçava.

Seguiram-se agradecimentos ao público (e à comunidade latina que sempre apoiou o tenista espanhol), bem como um tributo a um amigo que perdeu um filho, recentemente.

Uma lição de fair-play, de humildade apesar de atingir o patamar de um dos melhores de sempre.

Veja o discurso do espanhol e, mais abaixo, um resumo desta final do US Open.

Participa na Liga NOS Virtual
RealFevr
Liga Bancada

Criar equipa