Prolongamento
José Mourinho volta a ser professor, agora para crianças no Líbano
2019-10-15 15:40:00
Treinador destaca a importância cultural do futebol na transmissão dos "valores" defendidos pela FIFA

José Mourinho foi uma das 'Lendas da FIFA' a marcar presença no lançamento do segundo projeto do Football for Schools no Líbano, onde recordou a experiência como professor de educação física para enfatizar a importância do desporto na formação dos homens e mulheres de 'amanhã'.

"Antes de ser treinador de futebol de alto nível, fui professor. Um professor especial, porque os professores de educação física são especiais para os miúdos", começou por enfatizar o técnico português.

Mourinho salientou que o futebol tem "o poder" de cativar as crianças e ensinar-lhes os valores "que vão precisar para a vida".

"A influência [dos professores] nestes miúdos é para sempre. Quantos é que vão ser grandes jogadores? Talvez um jogue pela seleção do Líbano... Mas daqui a dez anos, todos vão ser pais e mães, são o futuro e a esperança do país. E isso é o mais importante", reforçou.

"O futebol tem o poder de unir as pessoas", insistiu: "Não é a raça, não é a religião, não é o nível cultural. O que une as pessoas é o futebol".

José Mourinho alongou-se depois sobre esse "legado" que deixou.

"Depois de tantos anos como treinador de futebol profissional, a fazer coisas boas, o que me dá mais prazer hoje é andar pela minha cidade, encontrar os miúdos de quem fui professor e sentir o que fiz por eles. Não o que fiz por Samuel Eto’o e por Kaká [outras 'Lendas da FIFA' que marcaram presença], mas o que fiz por esses miúdos que hoje são homens. Vêm ter comigo, com os filhos, com a família, e lembram-se de cada pormenor desse tempo e da influência que tive na vida deles", avançou.

"Esse é o meu legado. Esses miúdos não foram para as drogas, para a criminalidade. Ainda hoje, 30 anos depois, são bons amigos uns dos outros", concluiu José Mourinho.

Veja aqui o vídeo.