Portugal
Wilson com estatuto de herói, Paulinho 'matador' e Braga joga final-four em casa
2018-12-28 21:00:00
O SC Braga venceu o Vitória de Setúbal por 4-0 e segue em frente na Taça da Liga.

O SC Braga carimbou a presença na final-four da Taça da Liga, fase que irá disputar em casa, após o triunfo por 4-0 diante do Vitória de Setúbal, nesta sexta-feira. Em pleno Estádio do Bonfim, Wilson Eduardo atingiu o estatuto de herói. O extremo esteve presente em todos os golos do encontro, ao marcar um deles e fazer duas assistências para remates certeiros de Paulinho. Após uma primeira parte a meio gás, os minhotos aceleraram no segundo tempo e conseguiram chegar à vantagem, ainda que apenas o empate fosse necessário para seguir em frente.

Abel Ferreira e Lito Vidigal procederam ambos a várias alterações nas respetivas equipas para este encontro da Taça da Liga. Ora, nos minhotos, Marafona, Ailton, Ryller, Palinha e João Novais tiveram a oportunidade de somar minutos. No caso dos sadinos, já sem hipóteses de seguirem em frente na competição, foram a jogo nomes como Milton Raphael, Cascardo, Dankler, Baba, André Sousa, Pedrosa, Nuno Valente, Alex e Allef, entre outros. Como seria algo expectável, o SC Braga começou o jogo por cima, mas apenas no final da primeira parte deu mostras de aceleração no momento da circulação da posse de bola.

Ora, nos minutos iniciais, o SC Braga tentou impor desde logo o ritmo, mas ainda assim o Vitória conseguiu equilibrar. A estratégia de Abel passou por uma saída com bola controlada a partir da defesa, com três jogadores a permanecerem na linha mais recuada, no caso Esgaio, Raúl Silva e Bruno Viana, sendo que Ailton subia pelo corredor. Até à meia hora, o ritmo competitivo não foi o melhor aos olhos dos adeptos, mas a partir daí começaram a surgir as oportunidades de golo, muito por culpa da maior vertigem dos bracarenses. Paulinho teve o golo nos pés num par de ocasiões, ainda que Allef pudesse ter feito melhor em frente a Marafona aos 41 minutos. Aos 30’, ficou penálti por assinalar a favor do SC Braga, por mão na bola de Nuno Valente.

Tal como terminou a primeira parte, o Braga também começou o segundo tempo por cima e não demorou muito tempo até conseguir chegar à vantagem no marcador. O principal ‘motor’ dos minhotos acabou por ser o capitão Wilson Eduardo, claramente o mais inconformado e em jogo. Ora, aos 53 minutos, Wilson aproveitou um erro crasso de Baba Fernandes num mau passe para Joel Pereira, ganhou o esférico e serviu na perfeição Paulinho, que revelou instinto de ‘matador’ na área sadina. Seis minutos depois, os mesmos protagonistas dos bracarenses desenharam o segundo golo: investida de Wilson pela direita e o extremo direito entrou na área do Vitória para voltar a assistir Paulinho. Aos 76’, Wilson coroou a exibição com um golo de calcanhar, na sequência de um cruzamento de Ailton. Em cima dos 90’, ainda houve tempo para Pablo fazer o golo em resposta a um pontapé de canto.

Com este resultado, o Braga chegou aos nove pontos no grupo B da Taça da Liga e vai marcar presença na final-four da competição, que terá lugar, precisamente, na cidade minhota. Acima de tudo, fica a exibição de alto nível protagonizada por Wilson Eduardo nesta noite, com o extremo a ser o assistente ideal para o instinto finalizador de Paulinho.

Participa na Liga NOS Virtual
RealFevr
Liga Bancada

Criar equipa