Portugal
Vitória requer insolvência da SAD do Sporting
2019-03-06 17:30:00
Guimarães alega falta de pagamento por Raphinha

O Vitória de Guimarães pediu hoje a insolvência da SAD do Sporting, devido a uma dívida relativa à transferência do futebolista brasileiro Raphinha, de acordo com o publicado no portal Citius.

No processo que deu hoje entrada no Juízo de Comércio de Lisboa, a SAD vimaranense reclama a insolvência do Sporting, devido ao atraso no pagamento de cerca de quatro milhões de euros.

Fonte conhecedora do processo disse à Lusa que o valor corresponde às duas últimas das três prestações acordadas na transferência do avançado brasileiro, que foi contratado pelos 'leões' ao Vitória de Guimarães no verão passado, por 6,5 milhões de euros.

O Sporting pagou a primeira prestação na altura da concretização da transferência, e a última devia ter ficado saldada há cerca de dois meses.

O clube de Lisboa, pela voz de João Sampaio, vice-presidente, manifestou estranheza pelo pedido do Vitória de Guimarães, considerando um “desrespeito” pelo Sporting, e prometeu que o pagamento será feito “a curto prazo”.

“Estranhamos a posição do Vitória Sport Clube, na medida em que preferem o histerismo público em vez de esperar pela solução de curto prazo que propusemos e que ignoraram”, criticou.

O dirigente garantiu que o Sporting “honrará, como sempre”, os seus compromissos e promete guardar para memória futura a atitude do clube minhoto, que reprova.

“Não deixaremos de distinguir quem se portou com dignidade e respeitou a instituição Sporting Clube de Portugal; e quem, de uma maneira mais direta ou menos direta, e sem nenhuma vantagem, nos desrespeitou”, avisou.

João Sampaio assumiu que é “pública” a situação financeira complicada do Sporting, bem como o trabalho que esta direção está a realizar para a resolver.

Sê o primeiro a comentar: