Portugal
Varzim, reduzido a 10, vence FC Porto B e deixa zona de despromoção
2019-04-23 18:45:00
Duelo teve 323 espetadores no estádio

O Varzim garantiu hoje três importantes pontos para tentar a manutenção, ao vencer 1-0 o FC Porto B, em jogo da 31.ª jornada da II Liga de futebol, no qual jogou os últimos minutos com menos um.

Os poveiros chegaram ao golo perto do final, através de Payne, aos 88 minutos, e numa altura em que já estavam em desvantagem numérica dentro de campo, depois da expulsão de Chérif, por acumulação de amarelos, aos 82 minutos.

Esta vitória permite ao Varzim fugir à zona de despromoção, sendo que o clube liderado por César Peixoto soma agora 37 pontos.

Depois de uma primeira parte com algum equilíbrio, os visitantes estiveram melhor na segunda parte, criando mais perigo, perante um FC Porto com dificuldades em conseguir fazer circular a bola e em anular a supremacia do Varzim.

Aos 82 minutos, os poveiros ficaram reduzidos a dez, com a expulsão de Chérif, ainda assim a resposta dada foi bastante positiva e as alterações feitas por César Peixoto deram resultado. Aos 86, Payne saiu do banco para substituir Baba e, dois minutos depois, assinou o golo que garantiu a conquista dos três pontos.

 

Jogo disputado Estádio Municipal Jorge Sampaio, em Vila Nova de Gaia.

FC Porto B - Varzim, 0-1

Ao intervalo: 0-0

Marcadores:

0-1, Payne, 88 minutos.

 

Equipas:

- FC Porto B: Mouhamed, João Pedro, Justiniano, Bidi, Oleg, Lameira (Estrela, 80), Luizão (Romário, 59), Rui Pires, Madi Quetá, Marius e Gleison (João Mário, 86).

(Suplentes: Ricardo, Diego Landis, Estrela, João Mário, Romário Baró, Diogo Bessa e Rui Costa).

Treinador: Rui Barros.

- Varzim: Broetto, Nélson Agra, Sandro, Jeferson, Elízio, Baba (Payne, 86), Pavlovski, Nelsinho (Mário Sérgio, 90+3), João Amorim (Vasco Rocha, 72), Chérif e Ricardo Barros.

(Suplentes: Emanuel, Amian, Júlio Alves, Cambuci, Payne, Mário Sérgio e Vasco Rocha).

Treinador: César Peixoto.

 

Árbitro: Vítor Ferreira (AF Braga).

Ação disciplinar: cartão amarelo para Chérif (28 e 82), Bidi (30), Nélson Agra (45+1), Rui Pires (48), Justiniano (63) e Jefferson (84). Cartão vermelho por acumulação de amarelos para Chérif (82).

Assistência: 323 espetadores.

Sê o primeiro a comentar: