Portugal
V. Setúbal com poucas ‘mexidas’ quer época sem sobressaltos
2019-08-08 11:00:00
Sandro Mendes parte para a nova época em busca da manutenção

O Vitória de Setúbal quer fazer um campeonato tranquilo, afastado dos lugares de descida e apostado em melhorar o 13.º lugar na I Liga de futebol na época passada, em que só conseguiu a permanência na penúltima jornada.

A equipa treinada por Sandro Mendes, que mantém a maioria dos atletas que compunham o plantel na época transata, arranca para o campeonato em 2019/20 com 32 jogadores, entre os quais sete reforços a que se juntam cinco jogadores oriundos dos sub-23, devendo alguns deles transitar para a Liga Revelação.

Aos jovens João Valido (guarda-redes), Baba Fernandes (defesa), Mathiola (médio), Leo Chão e Amâncio (avançados), quinteto oriundo dos escalões de formação, juntam-se os defesas João Serrão, que atuou nas últimas três épocas nos escalões de formação dos italianos da Juventus, João Meira, que alinhava no Concordia Chiajna, da Roménia, e o médio Leandro Vilela, ex-Esporte Clube Vitória, Brasil.

O setor que foi mais reforçado foi o ataque que conta agora com os avançados Carlinhos, emprestado pelos belgas do Standard Liège, Khalid Hachadi (ex-Olympique Khouribga, Marrocos), Guedes (ex-Al Dhafra, Emirados Árabes Unidos) e o argentino Brian Mansilla (ex- Gimnasia de La Plata, Argentina).

Com um orçamento ligeiramente superior ao da época anterior, cerca de 3,7 milhões de euros, o Vitória de Setúbal viu sair poucos jogadores que, ainda assim, tiveram peso na equipa em 2018/19. Neste lote destacam-se o médio Rúben Micael, que se transferiu para o Nacional, e o avançado Jhonder Cádiz, melhor marcador dos sadinos (10 golos) que rumou ao Benfica.

Nos jogos de pré-época do conjunto setubalense, cujo estágio decorreu no Luso, os comandados de Sandro Mendes realizaram oito testes e não averbaram qualquer derrota. Aos empates com Cova da Piedade e Birmingham City (ambos 2-2) e com o Benfica B (0-0), o Vitória juntou cinco triunfos: Oliveira do Hospital (4-0), Olímpico do Montijo (2-1), Estoril (2-0), seleção do Bahrein (2-0) e Extremadura (3-0).

Com um saldo positivo de golos de 17-5, Zequinha e Berto, ambos com três golos, foram os melhores marcadores da pré-temporada. Na primeira partida oficial de 2019/20, os sadinos mantiveram no sábado a invencibilidade da pré-época. O golo de Artur Jorge ao Moreirense permitiu vencer (1-0) e garantir a passagem à fase de grupos da Taça da Liga.

No campeonato, a estreia do Vitória de Setúbal está marcada para segunda-feira, 20:15 horas, no Estádio do Bonfim, diante do Tondela na partida que encerra a primeira jornada da I Liga 2019/20.

Participa na Liga NOS Virtual
RealFevr
Liga Bancada

Criar equipa