Portugal
Sporting não aproveita vantagem numérica e empata com o Moreirense
2020-07-06 22:55:00
Leões estiveram mais de 40 minutos com um jogador a mais

 

O Moreirense e o Sporting empataram hoje 0-0, na partida de encerramento da 30.ª jornada da I Liga de futebol, em que os 'cónegos' ficaram em inferioridade numérica na segunda parte, mas os 'leões' não aproveitaram.

Após uma primeira parte com muito pouco espaço para se jogar, em que o domínio oscilou entre as duas equipas, um dos defesas 'cónegos', Halliche, foi expulso aos 51 minutos, após falta sobre Gonzalo Plata, quando o extremo avançava isolado para a área, mas a equipa de Alvalade, apesar dos muitos ataques, criou escassas oportunidades para garantir o quinto triunfo consecutivo na prova.

Com este empate, a equipa do concelho de Guimarães isolou-se no oitavo lugar, com 39 pontos, e garantiu matematicamente a permanência na I Liga, já que tem mais 12 pontos do que o 17.º, Portimonense, com vantagem no confronto direto, enquanto os lisboetas mantiveram o terceiro lugar, com 56 pontos, mais três do que o quarto, Sporting de Braga.

O Sporting, que apareceu no relvado do Estádio Comendador Joaquim de Almeida Freitas com quatro novidades no 'onze' - Luís Neto, Battaglia, Acuña e Jovane Cabral -, teve mais bola nos primeiros 15 minutos, mas dependeu quase sempre da criatividade de Jovane Cabral e de Gonzalo Plata para quebrar a organização contrária, com pouco sucesso.

No primeiro jogo sem Iago, defesa que terminou o contrato em 30 de junho e rumou ao Al Taawon, da Arábia Saudita, o Moreirense surgiu em campo com Halliche no eixo da defesa e libertou-se gradualmente da pressão 'leonina', graças à dinâmica dos jogadores nos corredores e do médio Filipe Soares na zona central.

O médio, de 21 anos, protagonizou os dois lances mais perigosos da formação anfitriã na primeira parte: cabeceou à malha exterior lateral, aos 24 minutos, e rematou centímetros acima da trave, de 'bicicleta', aos 29.

Os pupilos de Rúben Amorim responderam ao ascendente momentâneo do conjunto de Guimarães ainda na primeira parte e levaram perigo à baliza de Pasinato num cabeceamento de Coates, por cima, aos 37 minutos, e num lance de Ristovski, em que Halliche impediu a 'emenda' decisiva de Sporar, aos 43.

O figurino do encontro mudou aos 51 minutos, quando Halliche foi expulso com cartão vermelho direto, após perder a bola para Gonzalo Plata no meio-campo defensivo e cometer falta quando o extremo equatoriano se preparava para seguir isolado para a baliza 'cónega'.

Reduzida a 10 unidades, a equipa treinada por Ricardo Soares ameaçou o golo por Sori Mané, num golpe de cabeça, aos 62 minutos, mas, nessa altura, estava já obrigada a defender perto da sua área para conter os movimentos ofensivos dos homens de Alvalade.

Galvanizado pela entrada de Wendel, aos 61 minutos, o Sporting chegou com facilidade à área do Moreirense, mas raramente criou espaços entre a compacta defesa adversária para rematar à baliza. As exceções foram as tentativas de Sporar, aos 69 minutos, e de Jovane Cabral, num remate que rasou a trave, no último lance do jogo.

Jogo no Estádio Comendador Joaquim de Almeida Freitas, em Moreira de Cónegos.

Moreirense - Sporting, 0-0.

Equipas:

- Moreirense: Pasinato, João Aurélio, Halliche, Rosic, Abdu Conté, Sori Mané, Alex Soares (Steven Vitória, 54), Filipe Soares (Nuno Santos, 90), Bilel (Luís Machado, 90), Gabrielzinho (Djavan, 62) e Fábio Abreu (Nenê, 90).

(Suplentes: Trigueira, Steven Vitória, Djavan, Ibrahima, Pedro Nuno, Nuno Santos, Luís Machado, Luther Singh e Nenê). 

Treinador: Ricardo Soares.

- Sporting: Luís Maximiano, Luís Neto, Coates, Borja (Nuno Mendes, 61), Ristovski (Joelson Fernandes, 66), Battaglia (Wendel, 61), Matheus Nunes, Acuña, Gonzalo Plata, Jovane Cabral e Sporar.

(Suplentes: Renan Ribeiro, Rosier, Gonçalo Inácio, Doumbia, Wendel, Nuno Mendes, Rafael Camacho, Joelson Fernandes e Tiago Tomás).

Treinador: Rúben Amorim.

Árbitro: Tiago Martins (Associação de Futebol de Lisboa).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Abdu Conté (18), Acuña (25), Borja (34), Pasinato (38), Steven Vitória (85) e Gonzalo Plata (90+5). Cartão vermelho direto para Halliche (51).

Assistência: Jogo realizado à porta fechada devido à pandemia de covid-19.