Portugal
Rui Jorge fala em jogo "matematicamente decisivo"
2018-09-10 23:15:00
Portugal defronta o País de Gales na terça-feira

A vida da seleção portuguesa sub-21 já conheceu melhores dias e a derrota caseira frente à Roménia deixa pouco espaço de manobra para uma eventual qualificação da equipa de Rui Jorge para o Europeu da categoria. Os próximos três jogos são fundamentais, a começar já terça-feira frente ao País de Gales.

"Vamos ter três finais, mas não vamos encarar este jogo de forma diferente, apesar de ser matematicamente decisivo", começou por analisar Rui Jorge, que acrescentou em conferência de imprensa: "A preparação foi normal, a começar pela questão estratégica frente a um adversário com certas características, mas também vimos as nossas fraquezas manifestadas no último jogo. Com a Roménia, depois do 0-1, fomos penalizados por uma desorganização que não pode acontecer a este nível", lamentou.

Sobre o que está para vir, mais especificamente ao encontro com os galeses, Rui Jorge revelou a estratégia a adotar: "O nosso estilo de jogo e vontade de vencer serão iguais", explicou. O selecionador lembrou ainda o que aconteceu comas as campanhas anteriores (quase perfeitas): "As últimas duas gerações é que fizeram campanhas anormais, pois a forma como nós apurámos não é normal nem em Portugal nem na Europa. O habitual é lutar até à última jornada. Por culpa nossa estamos nesta situação, mas vamos fazer de tudo para conseguir o apuramento", sublinhou.