Portugal
Realidade "assustadora" e problema "gravíssimo", se campeonato não for retomado
2020-05-08 11:50:00
Presidente sadino confia que Liga chegará ao fim

O presidente do Vitória de Setúbal assume que a realidade financeira é "assustadora" para emblemas como os sadinos, se o campeonato não for retomado, sendo que esse objetivo de FPF e Liga está dependente de uma decisão das autoridades de saúde face à Covid-19 e eventuais riscos de contágio.

Independentemente do que acontecer, Paulo Gomes sublinha que todos os presidentes têm de ser "muito inteligentes e gerir os clubes com alguma sabedoria e responsabilidade", revela o líder do emblema setubalense.

Em entrevista ao jornal A Bola, Paulo Gomes sustenta que confia que a Liga portuguesa irá chegar ao fim, até porque, caso contrário, poderia ser o fim para vários emblemas.

"Metade dos clubes teriam um problema financeiro gravíssimo se tal não acontecesse. O risco era vermos muitos deles chegarem ao limite, caírem."

O dirigente sadino lembra ainda que embora os clubes possam ser olhados "com desconfiança" acabam por gerar "muitos impostos" para os cofres do Estado.

Reiterando que não quis fazer lay-off no emblema do Bonfim, Paulo Gomes realçou ter um entendimento com o plantel.

"Demos a cara neste momento complicado", disse, temendo que possa "não ter condições para fazer o pagamento total" mas revela ter tudo acordado com os profissionais do Vitória de Setúbal.