Portugal
Presidente do Chaves critica líder do V. Setúbal sobre polémico jogo no Bonfim
2019-05-07 14:15:00
"Chaves não encomendou nada", garantiu Francisco Carvalho

A luta pela manutenção está ao rubro e sente-se a tensão no ar. No próximo fim de semana, o Vitória de Setúbal desloca-se a Trás-Os-Montes para uma cartada decisiva entre flavienses e sadinos, sendo que os setubalenses seguem desfalcados, depois da expulsão de três jogadores frente ao Boavista, que motivou desacatos nas bancadas com ameças ao árbitro Fábio Veríssimo.

Já após o final do encontro, Vítor Hugo Valente considerou “um nojo” a arbitragem de Veríssimo, que expulsou três jogadores dos setubalenses (José Semedo, Zequinha e Cádiz) e disse que o árbitro foi "carteiro" e entregou uma "encomenda".

Ora estas palavras não caíram bem em Chaves, onde o presidente da SAD flaviense não deixa o líder dos sadinos sem resposta.

"Não sei o que quis dizer com a encomenda" mas "essas coisas não se encomendam", salientou Francisco Carvalho, em declarações à 'Renascença', certo de que "ficou mal ao presidente do Vitória de Setúbal falar nessa situação".

O Chaves recebe o Vitória de Setúbal, no domingo, às 15h00, a contar para a penúltima jornada do campeonato, num duelo que poderá ditar o futuro de ambas as equipas no que toca à descia ou manutenção, tal como o Nacional da Madeira que, horas depois, defronta o FC Porto.

Sê o primeiro a comentar: