Portugal
"Podem chover pedras ou estar 40 e tal graus que nada nos vai atrapalhar"
2020-07-14 14:45:00
Técnico pacense na antevisão ao duelo frente ao Moreirense

O treinador do Paços de Ferreira, Pepa, disse hoje que pretende garantir a permanência na I Liga de futebol frente ao Moreirense, confirmando o “foco total” dos jogadores no encontro da 32.ª jornada, na quarta-feira.

“Para nós, foi uma semana curta, mas perfeitamente normal. Somos os mesmos, não mudamos a nossa forma de estar ou de trabalhar consoante os resultados, e estávamos muito mal se assim fosse. Queremos garantir rapidamente, e bem, o nosso grande objetivo, venha o jogo e que não passe de amanhã [quarta-feira]”, disse Pepa, em conferência de imprensa.

Com esta declaração, o técnico pacense relativizou, por um lado, os efeitos da goleada sofrida na última jornada, por 5-1, na receção ao Sporting de Braga, e, por outro, apontou o foco ao jogo com o Moreirense, com crença e sem desculpas.

“A equipa [do Moreirense] está muito bem e nós muito bem estamos, só me assusta um bocadinho a temperatura e a hora do jogo. Mas podem chover pedras, podem estar 40 e tal graus, que iremos dar todas as condições para estarmos bem e tranquilos e, depois, durante o jogo, não há temperatura e não há nada que nos vá atrapalhar, não há desculpas de nada”, afirmou.

Petit lembrou que a equipa terá 90 minutos para tentar garantir a permanência, na certeza de que o Paços apenas depende de si próprio.

“Só estamos dependentes do que fizermos dentro de campo amanhã [quarta-feira] e é com essa vontade e força que queremos ir lá buscar os três pontos, contra uma equipa que está muito bem. O [treinador] Ricardo [Soares] está a fazer um trabalho muito bom, mas queremos voltar de Moreira de Cónegos e chegar a Paços com o objetivo conseguido”, sublinhou.

Pepa não quer “desespero” ou “ansiedade” na equipa e pede “muita responsabilidade” e “muito compromisso” aos seus jogadores, para vencer um adversário a quem deu os parabéns, lembrando que, “normalmente, consegue construir equipas muito competitivas, em quantidade e qualidade”.

O técnico pacense, que também já trabalhou em Moreira de Cónegos, lembrou ainda o registo de apenas uma derrota em 13 jogos de um Moreirense “com consistência e qualidade e a sofrer poucos golos”.

Stephen Eustáquio, a cumprir castigo, junta-se na lista de indisponíveis aos lesionados de longa duração Simão Bertelli e Murilo.

O Paços de Ferreira ocupa o 13.º lugar, com 34 pontos, enquanto o Moreirense é oitavo, com 42. O jogo realiza-se em Moreirense de Cónegos, na quarta-feira, a partir das 17:00, e vai ser arbitrado por Rui Costa, da Associação do Porto.