Portugal
Pepelu quer regressar ao Levante no fim da época
2020-04-17 13:45:00
O espanhol fez 23 jogos pelo Tondela

O médio do Tondela, Pepelu, admitiu hoje que deseja regressar aos espanhóis do Levante no final desta época, assim que termine o campeonato da I Liga portuguesa de futebol, suspenso devido à pandemia da covid-19.

“Decidimos que era o melhor para mim continuar a minha progressão fora do Levante. Na última temporada progredi e foi um bom ano e, graças a isso, estou no Tondela para conseguir o que quero, que é jogar na equipa principal do Levante”, afirmou Pepelu numa conferência virtual organizada pela Federação de Futebol da Comunidade Valenciana (FFCV).

O médio espanhol, natural de Valência, de 21 anos, chegou ao Tondela no início desta época, por empréstimo do Levante até junho de 2020, e na equipa beirã fez 23 jogos como titular e contabilizou um golo e três assistências.

“A maior diferença [de Portugal] com Espanha pode ser a qualidade, porque, para mim, a La Liga [Liga espanhola] é a que tem mais qualidade. Em Portugal as equipas são fortes pelo seu coletivo e não por os jogadores individuais”, comparou o médio, que já foi chamado às seleções jovens de Espanha.

Pepelu considerou ainda que os “três ou quatro grandes [clubes] fazem a diferença”, uma vez que as restantes equipas portuguesas têm um “nível muito parecido e tudo pode acontecer” de uma época para a outra.

“Há equipas que num ano estão quase a jogar na [Liga] Europa e de seguida estão a lutar para não descer” da I Liga para os escalões mais baixos do campeonato português, referiu o médio espanhol, que tem contrato com o Levante até 2021.

Pepelu explicou na conferência virtual que ainda não se sabe quando é que o campeonato português termina, por causa da pandemia da covid-19 e contou que, em Tondela, “uma cidade pequena, não existem muitos casos” de pessoas infetadas pelo novo coronavirus e ainda elogiou Portugal por “ter sido um dos países que melhor geriu esta crise” de saúde pública.

“Existe uma equipa da II Liga que já começou a treinar, mas nós [I Liga] ainda não. Acreditamos que no início de maio já somos capazes de treinar aos pares e, progressivamente, ir trabalhando em grupos maiores”, afirmou.

O Tondela entrou de férias no dia 10 de abril, e assim vai permanecer até ao final do mês, e os jogadores foram autorizados a abrandar o ritmo de treino que estavam a fazer em casa nas três semanas anteriores, desde que o campeonato parou.