Portugal
"Pelo que fizemos o empate não era bom, então a derrota é ainda mais imerecida"
2019-09-28 20:20:00
Vítor Campelos desagradado pela derrota sofrida na Madeira

Vítor Campelos, treinador do Moreirense, considera a derrota diante do Marítimo, por 2-0, "imerecida". Em conferência de imprensa, Campelos destacou o equilíbrio que se viu na primeira parte mas acredita que, face ao que a equipa produziu, até o empate "não era bom". 

"A primeira parte foi um jogo equilibrado. Sabíamos que o Marítimo joga um futebol direto, na procura de segundas bolas e tentámos contrariar isso, jogando bem, com a bola no chão e circulando a bola. Creio que estivemos melhor na segunda parte. Conseguimos fazer o mais difícil, que foi chegarmos ao golo. Depois, sofremos dois golos caricatos: um penálti, num livre com a bola bombeada para a área, e um ressalto num canto. São lances que não podem acontecer no futebol de alta competição. Temos de manter o foco nos 90 minutos. Foram situações mais de demérito nosso do que de mérito do adversário nos golos concretamente", afirmou.

"É difícil aceitar esta derrota, até porque, se o empate, pelo que tínhamos feito nos 90 minutos, não era bom para nós, então a derrota é ainda mais imerecida", concluiu.