Portugal
Pedro Gonçalves doa material a Hospital de Chaves e Bombeiros de Vidago
2020-04-01 16:30:00
O futebolista já tinha doado um ventilador à unidade de saúde da região de onde é natural

O jogador do Famalicão Pedro Gonçalves, da I Liga de futebol, vai oferecer, juntamente com o empresário Jorge Pires, 2.500 máscaras e 50 fatos de proteção ao Hospital de Chaves e Bombeiros de Vidago, após terem doado um ventilador.

O anúncio foi divulgado hoje na página na rede social Facebook de Jorge Pires e a oferta deve-se à “notória falta de material de proteção” nos profissionais de saúde do Hospital de Chaves e dos Bombeiros de Vidago face à pandemia covid-19.

O médio de 21 anos Pedro Gonçalves e o seu empresário Jorge Pires são naturais de Vidago, concelho de Chaves, distrito de Vila Real.

A oferta será de 2.500 máscaras cirúrgicas e ainda de 50 fatos de proteção, que “serão distribuídas por estas duas entidades”.

Na nota é ainda pedido à população de Vidago para que “ajudem os bombeiros nesta fase de extrema necessidade”.

Pedro Gonçalves, juntamente com os seus empresários Jorge Mendes e Jorge Pires, e ainda o jogador do Desportivo de Chaves André Liberal, anunciou em 24 de março a doação de um ventilador para o Hospital de Chaves.

O flaviense representa o Famalicão desde o início da temporada e soma 31 jogos oficiais e seis golos, após duas temporadas na equipa inglesa do Wolverhampton.

Pedro Gonçalves fez formação no Vidago, Desportivo de Chaves e Sporting de Braga, em Portugal, representando durante duas temporadas o Valência, de Espanha.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou perto de 866 mil pessoas em todo o mundo, das quais morreram mais de 43 mil.

 

Em Portugal, segundo o balanço feito hoje pela Direção-Geral da Saúde, registaram-se 187 mortes, mais 27 do que na véspera (+16,9%), e 8.251 casos de infeções confirmadas, o que representa um aumento de 808 em relação a terça-feira (+10,9%).