Portugal
"Peço um árbitro com coragem, que veja o que toda a gente vê", afirma Varandas
2019-05-18 21:35:00
Presidente do Sporting crítico com a arbitragem após a oitava expulsão no campeonato

A oitava expulsão de um jogador do Sporting no campeonato que hoje findou levou Frederico Varandas a tecer fortes críticas à arbitragem, depois da derrota dos leões perante o FC Porto.

"Agora que a Liga terminou, gostaria de apelar às instituições para não irem de férias, temos um jogo importante na próxima semana. Peço que apareço um árbitro com coragem", afirmou.

"Nunca me desculpei com as arbitragens, não o vou fazer hoje, mas é importante fazer uma análise e reparar que o Sporting tem um presidente que incita a violência, um treinador que incita à violência e uma equipa muita agressiva", ironizou, avançando de seguida com o número: "Oito expulsões em 34 jornadas, é resultado da violência que existe neste clube".

"Um dos nossos rivais teve hoje a primeira expulsão. Oito expulsões em 34 jornadas, o FC Porto teve uma, que foi hoje", insistiu.

"A partir da 28.ª jornada, começa a faltar coragem. Por isso, apelo que apareça um árbitro com coragem para ver o que toda a gente vê. A um jogador do Sporting basta sair à rua para haver uma expulsão. O Sporting quer uma melhor arbitragem, eu também cheguei a uma casa e estou a arrumá-la, sei o que isso é. Peço ao presidente do Conselho de Arbitragem que tenha coragem de arrumar a sua casa", concluiu Frederico Varandas.

Sê o primeiro a comentar: