Portugal
"Paradigma da formação do Sporting não são os resultados", diz Paulo Gomes
2019-10-08 16:25:00
Responsável pela academia de Alcochete

Paulo Gomes, diretor da academia de Alcochete, enaltece a aposta da direção de Frederico Varandas em obras que requalificação do centro de treinos verde e branco, explicando que o projeto leonino "não visa resultados" nas camadas jovens mas, sim, a "formação de jogadores para a equipa profissional".

"O nosso paradigma não tem que ver com resultados mas sim com a contrução, a realização de jogadores para a equipa profissional do Sporting. Portanto, o objetivo é formar jogadores para atuar na primeira equipa do Sporting. Esse é o principal objetivo desta direção", disse, em entrevista à 'TSF'.

Sobre o estado em que encontrou a academia quando lá chegou, Paulo Gomes deixou um lamento. "É como ter uma casa e não cuidar da casa ao longo de 16, 17 anos", referiu, embora não se tenha alongado em muitos comentários sobre isso.

"As opções do passado não são da minha responsabilidade nem tenho que julgar. O que julgo é o estado em que vi a academia quando cá cheguei", referiu Paulo Gomes, em entrevista à 'TSF'.

O responsável leonino pelo centro de treinos de Alcochete diz que "só pode haver aposta na formação com boas condições". "Sem boas condições não aparecem jogadores", avisa, detalhando algumas das obras que está em andamento.

"A principal mudança é nos campos de relva natural onde treina a equipa profissional. Foi também mudado um sintético da formação. Não eram condições que consideramos para futebolistas profissionais e potenciais futebolistas treinarem", diz.

Paulo Gomes revela ainda que "há planos, há reuniões, há trabalho e ligação entre o futebol de formação e profissional", desde Keizer a Silas, atualmente.

"Sempre houve com o anterior treinador como com o novo. Esta direção não trabalha individualmente mas com o coletivo."