Portugal
"Parabéns ao Sérgio Conceição pela conferência e pelos três pontos"
2019-08-24 22:55:00
Bruno Lage analisou a derrota perante o FC Porto

Bruno Lage reconheceu a superioridade do FC Porto no clássico deste sábado, no Estádio da Luz, que os 'dragões' venceram por duas bolas a zero. Em conferência de imprensa, o técnico do Benfica elogiou Sérgio Conceição pelo desempenho dos azuis e brancos e pela análise feita na conferência do técnico portista. 

"O Sérgio Conceição fez uma análise perfeita do jogo, os meus parabéns pela conferência e por estes três pontos. O FC Porto teve uma forte pressão inicial, para a qual estávamos preparados, a condicionar os nosso centrais e os nossos médios. No entanto, não fomos pacientes, à primeira bola procurávamos a profundidade, e no ar o Pepe e o Marcano são muito fortes. Não tivemos a capacidade de pôr a bola no chão e fazer o nosso jogo. O golo surge com alguma felicidade, deixou o FC Porto mais confortável no jogo. A perder, arriscámos com a entrada do Taarabt e deixámos de ter os dois médios lado a lado para ter um mais à frente, com mais critério na construção. Com o Adel e o Chiquinho ficámos melhores, encostámos o FC Porto à área com alguns cruzamentos, mas não conseguimos criar o volume ofensivo. Ficámos um pouco longe daquilo que costumamos fazer", começou por dizer. 

Lage acrescentou que são as "características" dos jogadores que ditam a "dinâmica" da equipa e, por isso, a ausência de Gabriel foi notada na partida deste sábado, pela sua qualidade na "transição defensiva". 

"Perdemos um jogador importante na nossa transição, o Gabriel é um jogador muito forte nesse momento. Pelas características desse jogador e pelas características do jogador que entra, ganhamos umas coisas, mas não somos tão fortes na transição defensiva. As avaliações coletivas dependem também das características de cada jogador e daquilo que oferecem ao coletivo. O mais importante é percebermos o que temos de fazer para ser uma equipa competente", afirmou.

A terminar, o treinador 'encarnado' rejeitou entrar em "drama" e sublinhou que não é uma derrota que vai "mudar a mentalidade de oito meses".

"Acha que é com uma derrota que vou mudar a mentalidade de oito meses? Vamos ter um adversário difícil. Vamos olhar para o jogo, ver o que correu menos bem e preparar o jogo da melhor maneira para o vencer. Não são os resultados que vão mudar a minha forma de pensar. O Benfica tem de ser igual àquilo que foi a época passada. Perdemos 3-1 com o FC Porto para a Taça da Liga e depois fizemos a campanha que fizemos. Não há drama", rematou. 

Participa na Liga NOS Virtual
RealFevr
Liga Bancada

Criar equipa