Portugal
"Nota-se uma preocupação em servir o Ronaldo na Seleção", diz Domingos
2019-11-19 16:20:00
Ex-avançado avalia forma como a Seleção tem jogado

Cristiano Ronaldo procura apanhar o iraniano Ali Daei como máximo goleador de sempre ao nível de seleções e Domingos Paciência, antigo avançado da equipa das 'quinas', tem notado que, na ideia de jogo, os jogadores portugueses procuram "servir" CR7 frequentemente.

"Nota-se que quem está em jogo tem preocupação em servir o Ronaldo. Isso deve-se ao facto de, neste momento, o Ronaldo ter mudado. É mais goleador, é outro tipo de jogador e é a referência no ataque", explicou Domingos Paciência, em declarações à 'Renascença'.

O ex-avançado português lembra que "não é fácil ter o Ronaldo em campo" até porque "no dia em que Portugal não tiver Ronaldo em campo, o próprio adversário vai olhar para a Seleção de outra maneira".

Apesar da ideia e da forma como Portugal tenta 'jogar para Ronaldo', Domingos Paciência deixa claro que "Ronaldo é um jogador que a qualquer momento resolve um jogo".

"Ele reconfigurou o seu jogo. É outro jogador. Não sei quanto tempo vai ter de carreira. O aspeto físico é importante as lesões também. Acho que ainda vai estar mais dois anos e ainda serve muito a Seleção".