Portugal
"Nem sempre a 'roleta de invenções de treinadores' em Braga pode dar certo"
2020-07-03 15:45:00
SC Braga vai para o quinto treinador se se contar com Abel que ainda esteve na pré-época

O comentador de futebol Luís Freitas Lobo admite que em Braga "nem sempre a 'rolta de invenções de treinadores pode dar certo".

Com a saída de Custódio Castro após meia dúzia de partidas, Freitas Lobo considera que está assim feita a "desmistificação" de que qualquer treinador saído da formação bracarense pode resultar.

Em artigo de opinião no jornal O Jogo, o reputado comentador de futebol justifica que além dos resultados, a saída de Custódio se explica pela ausência da ideia que queria na equipa.

Freitas Lobo lamenta que Custódio não tenha mostrado "uma coerência sobre que jogo queria para a equipa".

Em Braga, a época tem sido atípica ao nível de treinadores. Abel Ferreira realizou parte da pré-época, seguindo para a Grécia e chegando Sá Pinto.

Posteriormente, saiu o ex-avançado português e chegou Rúben Amorim que acabaria por ser contratado pelo Sporting.

António Salvador escolheu então Custódio Castro mas seis jogos depois acabou por sair e pega agora na equipa Artur Jorge, antigo capitão minhoto.

Tags: