Portugal
Lito Vidigal apela à "união" para objetivo da permanência do Boavista
2019-08-10 14:40:00
Azadrezados defrontam o Desportivo das Aves no domingo

O treinador do Boavista disse hoje que "só" a união pode permitir à equipa atingir o objetivo de “fazer o máximo de pontos possível" para conseguir a manutenção na I Liga de futebol.

Lito Vidigal falava na conferência de imprensa de antevisão à receção ao Desportivo das Aves, da primeira jornada, marcada para domingo, às 16:00, e lembrou que o "apoio dos adeptos é fundamental" para a equipa.

Questionado sobre se quer que o Estádio do Bessa continue a ser "uma fortaleza", como foi na reta final da época passada com a forte presença de adeptos ‘axadrezados’, Lito Vidigal recordou que o Boavista terminou o campeonato anterior com "quatro vitórias consecutivas", duas delas fora de casa.

"É claro que em casa fomos sempre muito fortes, isso deveu-se também à presença dos adeptos, que estiveram sempre com a equipa. É o que pretendemos, que os adeptos apoiem estes jogadores, que estejam presentes e puxem por eles, sabendo que não há jogos fáceis", salientou.

Lito Vidigal também pediu aos seus jogadores que sejam "pacientes e inteligentes", lembrando que têm "90 minutos para ganhar o jogo".

"Os primeiros jogos do campeonato são sempre algo difíceis, mas o que pretendemos é dar continuidade ao que fizemos na época passada. Terminámos com quatro vitórias e queremos a quinta vitória consecutiva na liga. É desta forma que estamos a pensar e a trabalhar, sabendo que é difícil", afirmou.

O técnico insistiu que "só unido" é que o Boavista poderá atingir o seu objetivo, "que neste momento não passa de fazer o máximo de pontos possível para conseguir a manutenção na I Liga”.

“Depois podemos sonhar", sublinhou o técnico, que levou o clube portuense ao oitavo lugar na temporada passada.

Na sua ótica, a I Liga resume-se a "duas ou três equipas que vão lutar pelo título, mais duas ou três que vão lutar pela Liga Europa e as outras vão lutar pela manutenção", razão pela qual importa "fazer pontos o mais depressa possível" para o Boavista atingir o seu objetivos o mais depressa possível.

Lito Vidigal disse que o Aves "contratou jogadores com qualidade" e, como outras equipas, "fez a maior parte dos jogos [da pré-época] à porta fechada, pelo que a observação dos adversários é muito mais difícil nesta fase".

"Respeitamos sempre todos os adversários, mas pensamos sempre primeiro em nós e a nossa intenção é vencer", prosseguiu.

A eliminação da Taça da Liga, frente ao Casa Pia, da II Liga, não retirou ambição a Lito Vidigal.

"A equipa vai crescendo e evoluindo. Isto leva o seu tempo. Estamos agora focados na I Liga, no primeiro jogo, contra um adversário que se reforçou bem, mas o nosso objetivo é vencer", considerou, dizendo mais à frente que quer um Boavista ambicioso.

O Boavista tem duas baixas confirmadas para este jogo com o Aves, a do guarda-redes Helton Leite, que recupera ainda de uma lesão grave contraída na época passada, e a do atacante Iván Bulos, devido a problemas musculares.

O Boavista defronta o Desportivo das Aves no domingo, às 16:00, no Estádio do Bessa, no Porto.

Participa na Liga NOS Virtual
RealFevr
Liga Bancada

Criar equipa