Portugal
"Jamor tem uma relva deplorável", diz presidente da SAD do Belenenses
2019-01-31 09:35:00
Azuis ainda não sabem onde vão receber o Moreirense

O Belenenses SAD deixou o Estádio do Restelo na sequência do desentendimento entre a direção do clube e a direção da SAD e passou a equipa da sociedade desportiva a jogar no Estádio Nacional, em Oeiras. Só que no último jogo na condição de visitado contra o Tondela, o relvado do Jamor apresentou-se quase impraticável, de tal modo que a Liga de Clubes decidiu interditar o palco. Rui Pedro Soares, presidente da SAD dos azuis, aplaude a decisão do organismo liderado por Pedro Proença mas explica que ainda não sabe onde será o jogo contra o Moreirense, na segunda-feira.

Com o Jamor interditado, o Belenenses SAD procura uma casa para receber o Moreirense na próxima partida do campeonato para os comandados de Jorge Silas e Ivo Vieira.

Rui Pedro Soares já veio a público aplaudir a decisão da Liga de Clubes mas revela que ainda não sabe onde irá decorrer o próximo jogo dos azuis contra os axadrezados.

"O Estádio do Jamor tem uma relva deplorável. Só recebia um jogo por ano e tinha, depois, equipas lá a treinar. Tinha uma empresa de jardinagem dez meses e depois entrava uma empresa competente, dois meses antes da Taça de Portugal", afirmou Rui Pedro Soares, em declarações na zona mista do Estádio do Dragão, depois de perder contra o FC Porto. 

O líder da SAD do Belenenses sublinha que a Liga de Clubes "tomou a decisão a pensar no melhor para o futebol e para os jogadores, e merece os parabéns pela decisão corajosa".

Com o Jamor impedido de receber jogos, para já, Rui Pedro Soares assume ainda "não" saber onde irá decorrer o próximo duelo do Belenenses SAD.

O jogo contra o Moreirense está agendado para as 20h15 da próxima segunda-feira.

Sê o primeiro a comentar:
Tags: