Portugal
FC Porto goleia Chaves com hat-trick de Soares
2019-01-18 21:00:00
Pepe voltou a ser titular e cometeu penálti

O FC Porto derrotou o Desportivo de Chaves por 4-1, numa partida em que Soares esteve mortífero, assinando três golos.

Sérgio Conceição voltou a dar a titularidade a Pepe, desviando Éder Militão para a lateral direita.Assim, toda a linha defensiva dos dragões foi composta por jogadores nascidos no Brasil (embora Pepe seja campeão europeu por Portugal).

Mas foi outro brasileiro quem abriu o marcador para os dragões. Na sequência de um canto, Soares surgiu na cara de António Filipe, emendando para o fundo das redes. Estavam corridos 24 minutos.

Foi preciso esperar uma dúzia de minutos para o Desportivo de Chaves mostrar que pretendia discutir o resultado, com o remate de Luther Singh a obrigar Casillas a brilhar.

Avisado, o FC Porto tratou de ampliar a vantagem. Já bem perto do intervalo, Marega foge pela direita e deixa para... Soares surgir na cara de António Filipe e emendar.

Os flavienses não demonstraram arte para reequilibrar a partida, pelo que os dragões foram controlando a partida, deixando o tempo a correr.

Aos 65 minutos, Sérgio Conceição teve de mexer na defesa. Felipe saiu, com queixas na perna direita, e entrou Mbemba, que 'mandou' Militão (que hoje festejou o 21.º aniversário) para o eixo, ao lado de Pepe.

Quase de seguida, Soares emendou para o terceiro, outra vez na cara de António Filipe.

A festa portista foi estragada por Pepe, que derrubou William na área, aos 75. Nuno Almeida marcou penálti, mas esperou pela confirmação do videoárbitro. Depois desta chegar, Bruno Gallo reduziu para o Desportivo de Chaves.

Sem hipóteses nos três golos de Soares, António Filipe deixou os postes para negar o golo a Fernando Andrade, numa mancha soberba, aos 79 minutos.

O ex-Santa Clara não marcou, mas foi fundamental para o autogolo de Nuno André Coelho, numa jogada em que os flavienses ficaram a pedir falta, já em cima dos descontos.

Estava fechado o marcador, com o FC Porto a regressar às vitórias para a Liga, depois do empate com o Sporting que terminou com o recorde de 18 triunfos consecutivos em todas as competições.

Sê o primeiro a comentar: