Portugal
FC Porto alvo de processo disciplinar da UEFA
2019-09-20 18:55:00
Em causa um alegado insulto racista que já provocou uma reação de Fernando Madureira

A UEFA abriu um processo disciplinar ao FC Porto por comportamento racista dos adeptos, no momento da marcação de um penálti a favor do Young Boys, no Estádio do Dragão, no jogo de ontem à noite para a Liga Europa.

Nesse alegado ato, denunciado por um jornalista suíço, o líder da claque Super Dragões, Fernando Madureira, terá chamado "macaco" ao camaronês Jean-Pierre Nsamé, autor do golo da formação suíça.

O líder da claque já reagiu. "O macaco sou eu", afirmou Madureira, citando a alcunha pela qual é conhecido.

Certo é que o caso mereceu a atenção da UEFA, que abriu um processo disciplinar visando o FC Porto.

De acordo com a nota divulgada no site do organismo, o Comité de Controlo, Ética e Disciplina vai analisar o potencial caso de racismo na próxima reunião, marcada para 26 de setembro.