Portugal
Conceição perdeu dois troféus com o Sporting nos penáltis
2019-05-23 09:35:00
Treinador portista procura conquistar o troféu no Jamor

 Uma Taça de Portugal e uma Taça da Liga ‘fugiram’ das ‘mãos’ do treinador Sérgio Conceição sempre que decidiu com o Sporting uma final, ambas no desempate por grandes penalidades, bem como duas meias-finais.

Frente aos ‘leões’ a marca dos 11 metros tem sido a ‘pedra no sapato’ do treinador, três vezes já ao serviço do FC Porto e a primeira, na final da Taça de Portugal de 2014/15, quando ainda representava o Sporting de Braga.

Foi aí a primeira final ‘dramática’ para Sérgio Conceição, que no Estádio Nacional, em 31 de maio de 2015, viu o Sporting empatar a partida 2-2 por Fredy Montero já aos 90+3 minutos, e foi nos penáltis que caiu (3-1).

O Sporting de Braga tinha estado a vencer por 2-0, com golos de Éder (16 minutos, de grande penalidade) e Rafa Silva (25), mas num último suspiro o Sporting forçou o ‘golpe de teatro’, com Slimani (84) e Montero (90+3) a igualarem.

No final dessa época, Conceição deixou o Sporting de Braga e rumou ao Vitória de Guimarães, ainda antes treinar uma época os franceses do Nantes, até regressar em 2017/18 a Portugal para assumir o FC Porto, no qual voltou a estar nas grandes decisões.

E foi já pelos ‘dragões’ que os ‘clássicos’ foram uma realidade, não só no campeonato, mas também nas Taças, com a ‘sorte’ a colocar o FC Porto e Sporting frente a frente, uma vez numa final, já este ano, e as outras em meias-finais.

Na sua época de estreia nos portistas, em 2017/18, o técnico foi primeiro afastado nas meias-finais da Taça da Liga disputadas em Braga, ao empatar com o Sporting sem golos e perder nos penáltis (4-3), e depois nas ‘meias’ da Taça de Portugal, com a eliminatória, a duas mãos, a ser igualada no segundo jogo (1-0 no Dragão e em Alvalade, com 5-4 no desempate).

Derrotas que abriram o caminho para duas finais do Sporting, treinado por Jorge Jesus, com os ‘leões’ a conquistarem a Taça da Liga frente ao Vitória de Setúbal (1-1, 5-4 nos penáltis), e a perderem na final da Taça de Portugal com o Desportivo das Aves (2-1).

Já esta temporada, Sérgio Conceição teve a sua segunda final frente ao Sporting - e o quarto jogo com necessidade de desempate por penalidades - e, uma vez mais, voltou a 'cair'.

Numa inédita final da Taça da Liga, em 26 de janeiro, os ‘leões’ conquistaram o troféu pela segunda vez, num jogo em que Fernando Andrade tinha marcado para os 'dragões', mas, tal como na primeira final de Conceição, o Sporting 'forçou' os penáltis ao marcar já nos descontos, agora por Bas Dost (90+3).

 

As finais perdidas de Sérgio Conceição com o Sporting:

- 31 de maio de 2015 / Taça de Portugal, 2014/15, 2-2 (3-1 nas grandes penalidades):

Sporting: Rui Patrício, Cédric, Paulo Oliveira, Ewerton, Jefferson, William Carvalho, Adrien, João Mário (Miguel Lopes, 21, Fredy Montero, 73), Carrillo (Carlos Mané, 54), Nani e Slimani.

Treinador: Marco Silva.

- Sporting de Braga: Kriticiuk, Baiano, Santos, André Pinto, Djavan (Sasso, 82), Mauro, Luiz Carlos, Ruben Micael (Alan, 61), Pardo (Salvador, Agra, 74), Rafa e Éder.

Treinador: Sérgio Conceição.

Marcadores: 0-1, Éder, 16 minutos (grande penalidade); 0-2, Rafa, 25; 1-2, Slimani, 84; 2-2, Fredy Montero, 90+3.

 

- 26 de janeiro de 2019 / Taça da Liga, 2018/19, 1-1 (1-3 nas grandes penalidades):

FC Porto: Vaná, Éder Militão, Felipe, Pepe, Alex Telles, Herrera, Óliver (Hernâni, 90+4), Corona (Danilo Pereira, 82), Brahimi, Marega e André Pereira (Fernando Andrade, 64).

Treinador: Sérgio Conceição.

- Sporting: Renan Ribeiro, Ristovski, Coates, André Pinto (Petrovic, 53), Acuña (Jefferson, 46), Gudelj (Diaby, 83), Wendel, Bruno Fernandes, Raphinha, Nani e Bas Dost.

Treinador: Marcel Keizer.

Marcadores: 1-0, Fernando Andrade, 79 minutos; 1-1, Bas Dost, 90+2 (grande penalidade).

 

As meias-finais perdidas de Sérgio Conceição com o Sporting:

- 24 de janeiro de 2018 / Taça da Liga, 2017/18, 0-0 (4-3 nas grandes penalidades):

Sporting: Rui Patrício, Piccini, Mathieu, Coates, Fábio Coentrão, William Carvalho, Bruno Fernandes, Gelson Martins (Battaglia, 43), Acuña (Bryan Ruiz, 78), Rúben Ribeiro (Montero, 78) e Bas Dost.

Treinador: Jorge Jesus.

FC Porto: Casillas, Ricardo, Felipe, Marcano, Alex Telles, Danilo (Óliver, 11), Sérgio Oliveira (Waris, 80), Herrera, Marega, Brahimi e Soares (Aboubakar, 67).

Treinador: Sérgio Conceição.

 

- 18 de abril de 2018/ Taça de Portugal, 2017/18:

Jogo da segunda mão das meias-finais, 1-0 (5-4 nas grandes penalidades):

Sporting: Rui Patrício, Piccini (Ristovski, 72), Coates, Mathieu, Fábio Coentrão (Montero, 76), Bataglia, Gelson Martins, Bryan Ruiz, Marcos Acuña, Bruno Fernandes e Bas Dost (Doumbia, 106).

Treinador: Jorge Jesus.

- FC Porto: Casillas, Maxi Pereira, Felipe, Marcano, Alex Telles, Ricardo Pereira, Otávio (Sérgio Oliveira, 76), Óliver Torres (Reyes, 83), Herrera, Brahimi e Tiquinho Soares (Aboubakar, 66).

Treinador: Sérgio Conceição.

Marcadores: 1-0, Coates, 84 minutos.

Participa na Liga NOS Virtual
RealFevr
Liga Bancada

Criar equipa