Portugal
Boavista apresenta-se aos adeptos com derrota frente ao Nice
2019-07-24 22:55:00
Terceira derrota na pré-época

O Boavista sofreu hoje a sua terceira derrota na pré-época, ao perder com o Nice, de França, por 2-0, no jogo em que se apresentou perante os seus adeptos, no Estádio do Bessa, no Porto.

Os ‘axadrezados’ abriram a sua preparação para a nova temporada com uma vitória por 2-0 frente ao Desportivo de Chaves, depois perderam ante o Rio Ave (3-0), empataram com o Gil Vicente (0-0), perderam diante do Wiesbaden (3-0), da segunda divisão alemã, e hoje somaram no desaire diante do sétimo classificado da primeira divisão francesa da época passada.

A equipa sentou muitas dificuldades na primeira parte, ante um adversário de qualidade superior e já com outro andamento, e o primeiro golo, do médio brasileiro Danilo Barbosa, que passou pelo Sporting de Braga e pelo Benfica, foi um bom exemplo disso.

Danilo Barbosa aproveitou toda a liberdade que o Boavista lhe ofereceu para preparar com tempo o remate forte e muito colocado de fora da área com que bateu Bracali, logo aos 11 minutos.

Com três reforços no ‘onze’, o central Lucas Tagliapiera, o lateral esquerdo Walter Clar e o extreno Heriberto, o Boavista apresentou-se ainda muito preso de movimentos e frágil no plano ofensivo, permitindo que o Nice circulasse a bola com à vontade e criasse vários lances de perigo.

Walter Clar sentiu muitas dificuldades ante a velocidade de Alexandre Gameiro e foi a unidade de menor rendimento no ‘onze’ boavisteiro, mas o processo ofensivo ‘axadrezado’ também revelou grandes debilidades.

O segundo golo do Nice surgiu na sequência de uma jogada de insistência de Maolida, pelo lado esquerdo, em que tanto Carraça como Lucas Tagliapietra estiveram mal, o primeiro por que permitiu o cruzamento e o segundo porque falhou uma interceção que parecia simples.

Um livre frente à baliza do Nice, aos 31 minutos, que Rafael Costa bateu muito por alto, foi o melhor que o Boavista conseguiu a nível ofensivo durante a primeira meia hora.

Lees-Melou atirou à barra da baliza ‘axadrezada’, aos 37 minutos, e só na segunda parte é que o Boavista deu um ar da sua graça e rapidamente criou dois lances de perigo.

O Boavista fez 12 substituições depois do intervalo e conseguiu equilibrar o jogo e, finalmente, dar trabalho à defesa do Nice, onde pontifica o internacional brasileiro Dante, que jogou três épocas consecutivas no Bayern de Munique (2012/15).

Aos 80 minutos, Bueno assistiu Paulinho e este, isolado, atirou contra o guarda-redes Clementia, naquela que foi a melhor ocasião de golo criada pelo Boavista.

O conjunto do Bessa tem a sua primeira partida oficial da nova época marcada para 03 de agosto, para a Taça da Liga, fora e com o vencedor do jogo Casa Pia-Vilafranquense, e estreia-se na I Liga portuguesa de futebol diante do Desportivo das Aves, no dia 11, no Estádio do Bessa.

Jogo no Estádio do Bessa, no Porto.

Boavista - Nice, 0-2.

Ao intervalo: 0-2.

Marcadores:

0-1, Danilo Barbosa, 11 minutos

0-2, Le Bihan, 27

Equipas:

- Boavista: Bracali (João Gonçalves, 83), Carraça (Talocha, 71), Neris (Gustavo Dulanto, 83), Lucas Tagliapietra (Ricardo Costa, 46), Walter Clar (Edu Machado, 46), Obiora (Yaw Ackah, 46), Heriberto (Mateus, 60, e Samuel, 83), Fábio Espinho (Bueno, 60), Rafael Costa (Idris, 60), Gustavo Sauer (Luís Santos, 84) e Yusupha (Paulinho,71).

Treinador: Lito Vidigal.

- Nice: Clementia, Pelmard, Herelle (Cisse, 83), Dante, Coly (Walter, 46), Thuram (Wade, 73), Alexandre Gameiro (Pedro Brazão, 83), Lees-Melou (Lusamba, 73), Danilo Barbosa (Cyprien, 62), Maolida (Guessand, 62) e Le Bihan (Sacko, 73).

Treinador: Patrick Vieira.

Árbitro: Hugo Miguel (AF Lisboa).

Assistência: 5.262 espetadores.

Participa na Liga NOS Virtual
RealFevr
Liga Bancada

Criar equipa
Tags: