Portugal
"Basta ao clima de intimidação e terror", diz vice do Sporting
2020-02-13 15:45:00
"Alcochete deveria ter sido um travão", lembra Ahamad

Rahim Ahamad, vice-presidente do Sporting, sai a público com uma mensagem contra a violência e contestação no clube verde e branco.

O dirigente sportinguista salienta que "o episódio de Alcochete deveria ter sido um travão num comportamento que em nada beneficiou o Sporting" e considera que "deveria ter sido a última linha a ser ultrapassada".

"Mas não. O mundo, para certas pessoas, não mudou naquele dia", lamenta Rahim Ahamad, em nota publicada no site oficial dos leões, onde deixa claro que o Sporting "é dos seus sócios e não das claques".

O membro do Conselho Diretivo verde e branco recorda o alegado ataque de que terão sido alvo dois colegas em Alvalade e a filha menor de um deles no passado domingo.

"A bárbara e cobarde agressão que os dirigentes do Clube e a filha menor de um deles foram alvo, apenas vem reforçar que não é isto que queremos para o nosso clube".

Rahim Ahamad diz ser necessário dizer "basta ao clima de intimidação e terror". "Definitivamente, isto não é o Sporting", avisa, no seguimento da capa do jornal do Sporting que se apresenta em tons negros.