Portugal
"Atitude de Conceição não foi bacana. Aquilo não é nada", diz Renan
2019-05-30 11:55:00
Guarda-redes dos leões explica ainda como defendeu penálti de Fernando Andrade

Renan Ribeiro e Sérgio Conceição protagonizaram um momento mais 'acalorado' no clássico do Dragão, ainda para o campeonato, que acabaria por, alegadamente, estar na origem de outro episódio polémico, este no Jamor, quando Conceição deixou o presidente do Sporting de mão estendida, supostamente, pelo facto de os leões terem feito queixa às instâncias de justiça desportiva sobre o comportamento do técnico portista com Renan.

O guarda-redes leonino comenta as atitudes de Sérgio Conceição e deixar críticas ao comportamento do treinador do FC Porto, dizendo que os agentes do futebol devem ser "um exemplo para as pessoas" e o que Conceição fez "não é futebol".

"Se queremos futebol moderno e bonito, aquilo não é nada, não é agradável", referiu, em entrevista ao jornal 'O Jogo'. E prosseguiu: "O Sérgio [Conceição] sabe que a atitude dele não foi 'bacana', mas o mais importante é que vencemos a Taça".

O Sporting venceu o FC Porto no desempate por grandes penalidades na Taça de Portugal, tal como já tinha acontecido na Taça da Liga. Renan fala em "muito trabalho" feito ao longo da época e revela que estudou Fernando Andrade e outros jogadores portistas no momento de bater penáltis, nomeadamente o "movimento do corpo, o olhar, a forma como partem para a bola".

Sobre o remate do camisola 37 portista, Renan revela que estava confiante para o travar.

"Sabia qual o canto de confiança dele e segui a minha intuição", disse, salientando que usou ainda outras características. "Consegui esperar e usar a minha explosão e força para sair no tempo certo na reação à bola".

Sê o primeiro a comentar: