Portugal
“Apareceu FC Porto e Sporting, não deu. Só faltava o Benfica e esse era gigante”
Redação
2020-07-06 19:25:00
Manduca recorda momentos passados no futebol português

Antigo futebolista do Benfica, Manduca recorda os momentos passados no futebol português e a altura em que os ‘três grandes’ estavam interessados nele, numa altura em que representava o Marítimo.

Em entrevista ao Bola na Rede, o ex-jogador de 40 anos lembra que “chegou a haver contactos”, indicando que não sabe o porquê de as negociações não terem dado certo.

Ao mesmo tempo, Manduca confirma que “chegaram a ligar pessoas do FC Porto” e revela as palavras que disse após esse interesse.

“Desta vez tem que dar certo, senão… Aparece um, não dá. Aparece outro, não dá. Só tenho mais esse agora e esse é gigante. Esta oportunidade não posso perder”, afirmou o brasileiro.

Contratado em meados da temporada 2005/06, Manduca fez 19 jogos ao serviço do Benfica, tendo feito um golo.

O brasileiro indica que apanhou o clube “num momento de transição”, numa altura em que os encarnados treinavam ou no Estádio da Luz ou no Jamor.

“Apanhei essa transição e logo a seguir começa o Seixal, outro tipo de projeto e estrutura. Mas era uma equipa muito forte e que fez uma Liga dos Campeões muito boa, mas no campeonato não conseguiu o objetivo, que era ser campeão”, comentou.

Apesar de elogiar Ronald Koeman e Fernando Santos, treinadores que o apanharam no Estádio da Luz, Manduca rumou ao AEK de Atenas em 2006/07.

A saída foi justificada pelo regresso de Rui Costa ao Benfica, indicando, ao mesmo tempo, uma conversa que teve com Fernando Santos.

“De repente vem o Rui Costa e ele [Fernando Santos] chama-me e diz: ‘Gustavo, eu sei que no ano passado jogaste, deste-te bem, mas está a voltar o Rui e vai ficar mais difícil para jogares’”, concluiu.