Portugal
"Acredito muito que podemos ferir o Sporting de Braga", diz Pepa
2019-04-13 14:50:00
Tondela visita bracarenses este domingo

O treinador Pepa afirmou hoje que o Tondela “pode ferir” o Sporting de Braga, na visita aos minhotos, no domingo, em jogo da 29.ª jornada da I Liga de futebol.

“Acredito que vamos dar um passo muito grande e chegar aos 31 pontos, depende de nós, temos noção de que vamos ter de sofrer juntos, vamos encontrar uma grande equipa, mas acreditamos também muito que podemos ferir o [Sporting de] Braga”, defendeu o técnico dos tondelenses.

Em conferência de imprensa de antevisão para o jogo de domingo, às 17:30, no Estádio Municipal de Braga, o treinador ‘auriverde’ disse que sabe “onde e como fazer”, para bater os bracarenses, admitindo faltar “saber se se consegue”.

Apesar da dúvida, Pepa expressou confiança na concretização do objetivo, recordando os dois últimos jogos, frente ao Benfica [derrota por 1-0] e ao Portimonense [vitória por 3-2], “independentemente do resultado, a exibição foi muito boa e isso já não vai voltar atrás”.

“O grande desafio é: porque é que não conseguimos dar continuidade a esse tipo de exibições, não é de resultados? Acredito que esse fantasma está ultrapassado, independentemente do resultado que foi na Luz ou que vai ser em Braga, ou com o Portimonense”, assumiu.

Pepa comparou o embate de domingo, frente a uma equipa com um plantel equilibrado, em qualidade e quantidade, com o jogo frente ao Benfica.

“Arrisco-me a dizer que é um jogo com a mesma dificuldade que encontrámos no último jogo fora, que foi com o Benfica, com as devidas diferenças, mas em termos de qualidade e dificuldade, penso que está tudo falado sobre o Braga”, rematou.

A seis jogos de terminar a época, Pepa lembrou que “cada vez há menos pontos em disputa” e que isso leva a que “a importância de cada duelo, de cada segunda bola, de cada ponto seja crucial”.

Tondela, 15.º com 28 pontos, e Sporting de Braga, quarto com 58, defrontam-se no domingo, às 17:30, no Estádio Municipal de Braga.

Sê o primeiro a comentar: