Modalidades
Vídeo: Que ironia. A última homenagem em vida a Paulo Gonçalves
2020-01-13 16:45:00
Equipa enalteceu valentia do português um dia antes da trágica morte

Paulo Gonçalves perdeu a vida nas areias do deserto vítima de um trágico acidente no Dakar, aquele que é tido por muitos como 'o rali dos ralis'. O piloto português era uma das figuras da competição nos últimos anos. Pelo que representava em cima da moto mas acima de tudo pelo espírito de ajuda e fair-play que carregou sempre.

Numa das últimas dificuldades enfrentadas nas areias da Arábia Saudita, Paulo Gonçalves viu-se forçado a trocar o motor da moto e, quando nada fazia prever, conseguiu voltar a pilotar e, entre o pó o deserto, seguiu a viagem. 

A fibra de Paulo Gonçalves, um dos maiores nomes do motociclismo internacional, fizeram dele uma das lendas do desporto em duas rodas, mas não só.

A sua equipa atual, a Hero Motosports, quis prestar-lhe uma homenagem. A força com que Paulo Gonçalves sempre brindou o desporto e o facto de nunca ter atirado a toalha ao chão valeram-lhe muitos títulos mas, acima de tudo, a admiração de colegas, amigos e adversários. 

Ironia das ironias, esta foi a última homenagem em vida ao piloto português. As imagens, partilhadas um dia antes da morte de Paulo Gonçalves, assumem uma emoção tremenda, até porque os responsáveis da equipa quando partilharam estas imagens estavam longe de imaginar o desfecho trágico que, um dia depois, iria ter a etapa para o português.

Mas ao mesmo tempo, estas imagens acabam por ser uma fiel homenagem ao que foi um "digníssimo representante de Portugal", como assumiu Marcelo Rebelo de Sousa.

A equipa que Paulo Gonçalves tinha decidido representar este ano – a Hero Motorsports – decidiu retirar-se do 42.º Rali Dakar depois da morte do piloto português.