Modalidades
Miguel Oliveira renuncia ao GP da Malásia de MotoGP
2019-11-01 14:50:00
Português a contas com uma lesão no pulso direito

Miguel Oliveira (KTM) renunciou hoje à participação no Grande Prémio da Malásia de MotoGP, 18.ª prova do campeonato do mundo, que se disputa este fim de semana, no circuito de Sepang.

O anúncio foi feito pela equipa do piloto português, a Tech3, depois da primeira das duas sessões de treinos livres, realizadas hoje.

“Não haverá GP da Malásia para o Miguel. O estreante tomou a difícil decisão de renunciar depois de ter tentado fazer o melhor possível em FP1. Toda a equipa está triste por vê-lo sair mais cedo e deseja rápidas melhoras”, escreveu a Tech3 no twitter.

O piloto português ainda fez quatro voltas lançadas nesta primeira sessão, mas as dores sentidas no pulso direito dificultaram a tarefa de segurar a sua KTM, terminando na 21.ª e última posição, a 6,385 segundos do mais rápido, o francês Fabio Quartararo (Yamaha).

Oliveira já não participou na segunda sessão do dia, em que Quartararo pulverizou o recorde do circuito de Sepang, que era do espanhol Dani Pedrosa (Honda) desde 2015, e que já tinha batido na primeira sessão.

À tarde, com o tempo de 1.58,576 minutos, Quartararo baixou mais de meio segundo, terminando como o mais rápido do dia.

O piloto de Almada irá, agora, prosseguir com a recuperação de forma a tentar estar apto para a prova de encerramento da temporada, em Valência, no dia 17 de novembro.