Visto da Bancada
Isabel Trigo Mira (nº 97)
António José Oliveira
2017-09-08 12:30:00
Antiga vice-presidente do Sporting não esquece o triunfo de 4-0 dos leões em Vidal Pinheiro no título de 1999/00

“Chorei do princípio ao fim do jogo”. Isabel Trigo Mira, antiga vice-presidente do Sporting, recorda com particular satisfação o jogo que na época 1999/00 resultou na conquista do título por parte dos leões que quebraram então um jejum de 18 anos sem serem campeões nacionais.

A 14 de maio de 2000, a equipa liderada por Augusto Inácio, onde pontificavam jogadores como Schmeichel, André Cruz e Acosta, deslocou-se a Vidal Pinheiro para defrontar o Salgueiros. Chegou ao intervalo empatada a zero mas no segundo tempo alcançou uma goleada de 4-0 e sagrou-se campeã nacional.

“Foi uma das melhores sensações da minha vida”, recorda Isabel Trigo Mira, sublinhando: “Foi um momento histórico para o clube, foi lindo, foi sensacional, foi uma loucura.”

“Fui dirigente do Sporting com muito gosto e fui campeã por duas vezes, o que me orgulha bastante”, refere a antiga vice-presidente sportinguista, sublinhando a “união” de todo o grupo de trabalho. “Não fomos campeões por acaso. Além de uma grande equipa, tínhamos um grande balneário. Foi uma época espetacular, que ficou para sempre na minha memória.”

Em Vidal Pinheiro, o clube de Alvalade acabou por vencer por folgados 4-0 com golos de André Cruz aos 47 minutos na transformação de um livre direto, Ayew aos 51, Duscher (75’) e novamente André Cruz, em mais um livre, a dois minutos do final, em ambiente de enorme festa.

Sê o primeiro a comentar: