Visto da Bancada
Beto Severo (nº 203)
Gomes Ferreira
2018-01-10 11:00:00
Ex-capitão do Sporting, bicampeão, recorda o dia em que o pai o levou pela primeira vez a ver um jogo, em Alvalade

Roberto Severo, conhecido no mundo do futebol como Beto, traz hoje uma história comovente ao Visto da Bancada. O antigo capitão do Sporting, e bicampeão nacional ao serviço dos leões, em 1999/00 e 2001/02, recorda o dia em que foi pela primeira vez  à bola em Alvalade, pela mão do pai. Um momento que nunca mais esquece e o marcou para o resto da vida. 

"Foi há mais de 30 anos...tinha quatro ou cinco anos, e o meu pai levou-me ao antigo estádio do Sporting a ver um jogo para o campeonato. Já não me lembro muito bem qual era o adversário, sei que era um sábado e o estádio estava cheio, com muito entusiasmo nas bancadas, e aquilo deixou-me maravilhado. Mas esse dia acabou por ficar marcado na minha vida porque pouco tempo depois o meu pai viria a falecer", conta Beto pausando a voz.

O atual treinador do 1º de Dezembro continuou a ir a Alvalade ver os jogos do Sporting, pela mão do tio -"eu pedia-lhe muito para ir"- mas aquele dia perdura até hoje. Por todas as razões,mas uma em particular. "Estava muita gente, muito barulho, aquilo para mim era tudo novidade. Foi uma experiência única. Infelizmente, o meu pai já não pôde assistir a mais jogos...".

A paixão de Beto pelo Sporting começava aí, no primeiro dia em que o pai o levou ao antigo Alvalade. Depois foi o que se sabe, cresceu no clube como jogador e chegou ao escalão principal onde envergou a braçadeira de capitão e sagrou-se bicampeão nacional, em 1999/00 e 2000/01. Em nome do pai.

Sê o primeiro a comentar: