Grande Futebol
Zidane e o duelo com o Paris Saint-Germain: "Não tenho de demonstrar nada"
Redação Bancada
2018-02-13 13:30:00
Treinador do Real Madrid garante que a equipa vai entrar em campo "sem pressão"

Em véspera de defrontar o Paris Saint-Germain para a primeira mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões, Zidane diz que não tem nada a demonstrar, nem ele nem a equipa, e que não está preocupado com o facto de a eliminatória com o PSG poder ter um peso importante para o futuro dele em Madrid. "Não tenho de demonstrar nada", afirmou o técnico francês em conferência de imprensa, reafirmando estar pouco preocupado com o seu futuro à frente dos merengues. "Não penso nisso. Penso no jogo e é nisso que estou concentrado. Não conseguimos controlar o resto das coisas, apenas o que vamos fazer em campo. O meu futuro não importa", garantiu.

Quanto ao duelo com o Paris Saint-Germain, Zidane repartiu o favoritismo com o adversário. "As duas equipas tem potencial para seguir para os quartos de final. Para mim é 50-50, como acontece sempre neste tipo de eliminatórias", afirmou recusando qualquer tipo de pressão acrescida pelo facto de os merengues terem vencido as duas últimas edições da Liga dos Campeões e estarem a realizar um campeonato dececionante. "Não temos nenhuma pressão: estamos felizes por poder jogar estes jogos, vivemos para isto", disse.

Por último, Zidane recusou fazer comparações entre Ronaldo e Neymar. "Cristiano obteve coisas extraordinárias: tem cinco Bolas de Ouro e não vou compará-los agora. Já sabemos tudo o que o Neymar faz em campo. Tem muita qualidade, pode fazer a diferença, mas o que queremos não é ver um duelo entre eles, mas sim um Real Madrid-PSG", concluiu.

Sê o primeiro a comentar: