Grande Futebol
Selecionador sérvio do Montenegro despedido por faltar a jogo com Kosovo
2019-06-08 12:00:00
Ljubisa Tumbakovic era selecionador do Montenegro desde fevereiro de 2016

A Federação Montenegrina de Futebol (FMF) despediu o selecionador sérvio da sua seleção, Ljubisa Tumbakovic, por este não ter dirigido a equipa na sexta-feira no encontro da fase de qualificação para o Euro2020 frente ao Kosovo.

Reunida de emergência na noite de sexta-feira, aquela federação "decidiu por unanimidade despedir Ljubisa Tumbakovic devido à sua decisão de não dirigir a equipa durante o jogo (contra o Kosovo), o que representa uma violação das suas obrigações profissionais", refere em comunicado a FMF.

Ljubisa Tumbakovic era selecionador do Montenegro desde fevereiro de 2016.

A FMF expressou ainda o seu lamento por dois dos seus internacionais de origem sérvia, Mirko Ivanic e Filip Stojkovic, terem estado ausentes do encontro, vítimas, segundo esta federação, de "pressões".

Região habitada por uma maioria de albano-kosovares, o Kosovo declarou em 2008 a sua independência da Sérvia de forma unilateral, tendo a mesma sido reconhecida por 110 estados, entre os quais Montenegro, mas que recebeu oposição de países como a Rússia, China, Brasil, Espanha e a própria Sérvia.

Tumbakovic, Ivanic e Stojkovic não figuraram na ficha do encontro Montenegro-Kosovo, jogado na sexta-feira em Podgorica e que terminou empatado 1-1. A partida foi disputada à porta fechada, uma vez que o Montenegro foi castigado pela UEFA devido aos cânticos racistas dos seus adeptos no jogo frente à Inglaterra, disputado em março último.

Sê o primeiro a comentar: