Grande Futebol
Quatro 'portugueses' nas 10 piores contratações do Valencia
2019-01-25 12:50:00
Reportagem do jornal Marca sobre as 10 contratações mais catastróficas do Valencia conta com quatro nomes bem conhecidos

Na peça, com o título “As 10 contratações que o Mestalla nunca esquecerá” (pelos piores motivos, entenda-se), constam jogadores como Aderlan Santos, que seguiu do Sporting de Braga para o clube espanhol, a troco de 9,5 milhões de euros. O brasileiro está, de resto, no número um desta lista de ‘erros de casting’.

No quarto lugar, um internacional português: Hélder Postiga. Nem o baixo custo da contratação – três milhões de euros – salva o avançado desta eleição. O jogador chegou ao Valencia para substituir Soldado, vendido por 30 milhões de euros, e não confirmou as elevadas expectativas dos adeptos (apenas três golos apontados), sendo transferido para o Deportivo.

Bem mais caro foi o quinto da lista: outro bem conhecido do futebol português. A equipa che pagou 25 milhões de euros ao Benfica pelo médio argentino, em 2015. Enzo foi perdendo espaço na equipa e viria a ser vendido ao River Plate por três milhões.

No sétimo lugar, mais um internacional português: Manuel Fernandes. O Valencia pagou 18 milhões pelo médio e arrependeu-se. O jogador não deixou saudade e viria a ser vendido ao Besiktas, por dois milhões, em mais um péssimo negócio.

As restantes seis contratações que o Mestalla gostaria de poder esquecer são as de Álvaro Negredo, Dorlán Pabón, Fernando Gago, Éver Banega, Asier del Horno e Tavano.

Sê o primeiro a comentar: