Grande Futebol
Patrick Canto: "A partir da expulsão, as coisas tornaram-se impossíveis"
2018-10-19 22:50:00
"Parecia que nunca mais chegava o intervalo...", confessou o guarda-redes Murta

Patrick Canto, treinador do SC Real, estava orgulhoso do comportamento dos seus jogadores perante um adversário de outra dimensão como é o FC Porto. "Não jogámos contra uma equipa qualquer, a dada altura, principalmente a partir da expulsão, as coisas tornaram-se impossíveis. Quero, ainda assim, ressalvar a atitude dos meus jogadores. Somos uma equipa de distrital, as diferenças são tremendas, não há como fugir a isso, mas tentámos jogar, divertir-nos, fazer alguma coisa quando tínhamos bola. Não nos limitámos a perder tempo e fazer anti-jogo", disse o treinador do SC VIla Real, à SportTV.

O guarda-redes Murta reconheceu ter sido um jogo "muito complicado". "Eles mostraram bem qual é a diferença entre as duas equipas. Tentámos desequilibrar, fazer com que eles não tivessem bola, mas isso é impossível. Parecia que nunca mais chegava o intervalo...", confessou.

Sê o primeiro a comentar: