Grande Futebol
Niasse diz que Koeman lhe tirou o cacifo e o proibiu de comer com a equipa
2017-11-24 11:30:00
"Desde a chegada que Koeman tentou destruir-me. Tentou, mas fui suficientemente forte para continuar no clube", revelou

Oumar Niasse revelou alguns episódios que viveu sob as ordens de Ronald Koeman no Everton. Segundo o atacante senegalês, o treinador holandês, entretanto despedido, fez de tudo para que o jogador saísse do clube.

"Desde a chegada que Koeman tentou destruir-me. Tentou, mas fui suficientemente forte para continuar no clube. Trabalhei muito, porque tinha de permanecer na Premier League", disse o jogador de 27 anos à BBC Sport.

Niasse que já marcou seis golos na presente temporada explicou que passou momentos muito complicados com o antigo treinador do Benfica: “Koeman tentou várias coisas para me afastar. Tirou-me o cacifo e o número. Não podia comer com a equipa e mandaram-me para as reservas. Foi muito difícil para mim. Temos de ter uma boa mentalidade para resistir”, referiu.

Participa na Liga NOS Virtual
RealFevr
Liga Bancada

Criar equipa