Grande Futebol
Mourinho, o 'mature one', aborda futuro de Ronaldo e épocas de Renato e Bernardo
Redação Bancada
2018-05-17 10:40:00
Depois do 'special one' e do 'happy one', José Mourinho tem nova alcunha.

Um olhar aos rumores que apontaram Cristiano Ronaldo ao Manchester United, à época de desilusão para Renato Sanches e elogios a Bernardo Silva. José Mourinho falou sobre alguns dos compatriotas mais em dia na atualidade desportiva, reconheceu estar mais maduro no desporto rei e salientou que hoje em dia "se acredita no treinador português".

José Mourinho revelou que não houver qualquer proposta do Manchester United a Cristiano Ronaldo nos últimos tempos, apesar dos rumores que surgiram. "Considero que o Real Madrid não pode vender, não pode. É proibitivo. [Ronaldo] tem de ficar até ao momento em que eles o autorizarem a ir jogar um ano para a América ou qualquer outro sítio onde queira desfrutar. É porta fechada. É o meu feeling", referiu o treinador do Manchester United em entrevista ao Record.

A época de Renato Sanches no futebol inglês também mereceu uma palavra de Mourinho. "Quando comecei a vê-lo no Swansea, pareceu-me que ele sentiu necessidade tremenda de fazer bem, exageradamente bem. Fazia coisas complicadas e esqueceu a simplicidade do jogo... Senti-o a ter, se calhar por ser muito miúdo, necessidade de provas em Inglaterra. Calma, calma! Não tem 30 anos", considerou o técnico português, que salientou ainda que João Mário deveria ficar no futebol inglês.

Por falar em Portugal, Bernardo Silva esteve em destaque esta temporada no rival de Mourinho, o Manchester City, e o treinador dos red devils considerou que o ex-Benfica é um "acelerador mental" em campo. "O Bernardo é talvez o 12.º jogador do City, só não jogou mais porque... está no City. Noutro clube, jogaria seguramente mais. Deu-lhes pontos, qualidade, beleza ao jogo, deu-lhes tudo aquilo que 50 ou 60 milhões podem dar. (...) É um miúdo com uma pinta e uma classe fora do normal e isso é muito importante nestas novas gerações. É um acelerado mental: pensa e executa rápido. É um jogador fantástico."

Mourinho revelou também que depois de "special one" e "happy one", tem algora uma nova alcunha. "The mature one. Estou nessa da maturidade. Hoje, misturando o lado familiar com aquilo que sou no futebol, decididamente entrei na fase do 'mature one'. Dizia a brincar à imprensa inglesa que este ano deveria ter ganho o prémio do treinador mais bem comportado no banco. Não tive uma multa, uma suspensão..." referiu Mourinho.

Sê o primeiro a comentar: