Grande Futebol
Mangala "fechado em casa e separado da família"
2020-03-15 21:30:00
Central francês infetado com o novo coronavírus

O futebolista francês Eliaquim Mangala, antigo defesa do FC Porto e atualmente no Valência, confirmou hoje que está infetado com a Covid-19 e deixou um apelo na internet para que as pessoas se mantenham nas suas casas.

“Fechado em casa e separado da minha família. Descobri que podemos ter o vírus sem ter qualquer sintoma e é por isso que recomendo a todos que respeitem os conselhos e se mantenham afastados de outras pessoas. Assim, conseguimos lutar contra este vírus e impedir que chegue a pessoas que podem ter sintomas mais agravados”, escreveu Mangala na sua página oficial da rede social Instagram.

O Valência informou hoje existirem cinco casos positivos de Covid-19 entre treinadores e futebolistas do plantel principal, pouco depois de o central argentino Garay, ex-Benfica, ter anunciado ser portador do novo coronavírus.

Na formação valenciana, treinada pelo ex-futebolista Albert Celades, alinham os portugueses Thierry Correia e Gonçalo Guedes.

Mangala, de 29 anos, foi jogador do FC Porto entre 2011 e 2014 e está a viver a sua segunda passagem pelo Valência, depois de ter representado a equipa espanhola em 2016/17.

A Liga espanhola, à semelhança das italiana, portuguesa, francesa, alemã e inglesa, parou os campeonatos profissionais devido à pandemia de Covid-19, cujo epicentro passou a ser a Europa, como informou a Organização Mundial de Saúde (OMS).

O novo coronavírus responsável pela pandemia de Covid-19 foi detetado em dezembro, na China, e já provocou mais de 6.400 mortos em todo o mundo.

O número de infetados ronda as 164 mil pessoas, com casos registados em pelo menos 141 países e territórios, incluindo Portugal, que tem 245 casos confirmados. Do total de infetados, mais de 75 mil recuperaram.

Em Espanha, registaram-se hoje mais 1.362 casos, num total de 7.753 pessoas diagnosticadas e 288 mortes.

 

Em Destaque