Grande Futebol
Joseph Lamptey, o árbitro ganês que pode complicar a vida a Cabo Verde
Luís Santos Castelo
2017-09-06 23:20:00
Jogo entre África do Sul e Senegal vai ser repetido, o que pode trazer implicações para os Tubarões Azuis

Na luta pela qualificação para o Mundial de 2018, Cabo Verde pode ter um novo obstáculo na caminhada até à Rússia depois do anúncio da repetição de um encontro que tem influência direta na classificação dos cabo-verdianos. A decisão aconteceu depois do erro do árbitro Joseph Lamptey, natural do Gana, durante o África do Sul 2-1 Senegal, jogo entre duas equipas do grupo dos Tubarões Azuis.

"O gabinete das Qualificações para o Campeonato do Mundo da FIFA ordenou a repetição do jogo de qualificação entre África do Sul e Senegal que aconteceu a 12 de novembro de 2016. (...) O jogo vai ser repetido dentro da janela internacional em novembro de 2017, com a data exata a ser confirmada no seu devido tempo", revelou o organismo máximo do futebol mundial no seu site oficial.

O jogo terminou com uma vitória de África do Sul por 2-1, e o motivo da repetição aconteceu perto do intervalo. Joseph Lamptey assinalou mão na bola de um do senegalês Koulibaly na área da sua equipa, para surpresa de todos. Isto porque a bola não esteve sequer perto de tocar em qualquer membro superior do corpo do defesa da seleção de Senegal e ninguém percebeu o motivo do pontapé de penálti. O marcador não tinha sofrido quaisquer alterações até esse lance.

Cinco meses depois da partida, a FIFA fez-se ouvir e anunciou o castigo para o juiz: banido de toda e qualquer atividade futebolística até ao fim da vida por manipulação de resultados.

"O Comité Disciplinar da FIFA decidiu banir o árbitro ganês Joseph Odartei Lamptey de qualquer tipo de atividade relacionada com futebol (administrativa, desportiva ou qualquer outra) a nível nacional e internacional. O árbitro foi declarado culpado de violar o parágrafo 1 do artigo 69 (influenciar ilegalmente resultados de jogos) do Código Disciplinar da FIFA durante o jogo de qualificação para o Campeonato do Mundo da Rússia 2018 entre África do Sul e Senegal a 12 de novembro de 2016", podia ler-se no comunicado da FIFA em março deste ano. Veja o lance que motivou a erradicação de Lamptey, de 42 anos, no vídeo abaixo.

Neste momento, Cabo Verde e Burquina Faso partilham a liderança do grupo D da qualificação africana para o Mundial de 2018, com seis pontos cada um ao fim de quatro jogos. Senegal está na terceira posição, com cinco pontos, e África do Sul é a última classificada, com quatro. Estando todas as equipas muito perto umas das outras a nível pontual, uma mudança no resultado do jogo entre África do Sul e Senegal pode ser determinante para o desfecho e para a definição da seleção qualificada, que será a líder do grupo no final de todos os encontros.

Em 2012, num jogo de preparação entre Portugal e o Gabão, Lamptey também esteve envolvido num lance polémico. Aos 43', Pepe cortou a bola quase em cima da linha de golo da baliza lusitana, tendo o árbitro ganês assinalado o golo aos gaboneses. Contudo, e só depois de consultar um dos seus assistentes, mudou de ideias e o jogo continuou com o mesmo resultado.

Sê o primeiro a comentar: