Grande Futebol
FC Barcelona, Real Madrid, Atlético Madrid e... Deportivo Alavés?
2018-10-07 18:30:00
O clube do País Basco tem realizado um início de temporada impressionante

Pela primeira vez em 87 anos, o Deportivo Alavés derrotou o Real Madrid este sábado no Mendizorroza. Com um golo de Manu García, os bascos bateram os madrilenos e igularam a pontuação dos dois maiores favoritos à conquista do título na Liga Espanhola. Os 14 pontos em apenas oito jornadas surpreendem tudo e todos, mas são resultado do que começou a ser feito por Abelardo Fernández em 2017/18.

O início da temporada nem correu de feição ao Deportivo Alavés, ainda que a primeira jornada tenha sido contra o FC Barcelona em Camp Nou. Os catalães venceram por 3-0 e não tiveram grandes problemas em bater os 'babazorros', que empataram sem golos na receção ao Betis na segunda ronda. Foi contra o Espanyol, no terceiro desafio do campeonato, que o Deportivo Alavés embalou para a época de excelência que está realizar. Com golos de Borja Bastón e Rubén Sobrino em menos de três minutos, os azuis e brancos conseguiram uma reviravolta contra o Espanyol e venceram por 2-1, seguindo-se dois triunfos fora de casa: 0-1 em Valladolid e uns surpreendentes 1-5 em Vallecas, contra o Rayo.

Correu-se o risco de ser tudo fogo de vista quando o Deportivo Alavés voltou à 'normalidade' ao empatar contra o Getafe CF e perder contra o Levante UD, mas a partida contra o Real Madrid mudou tudo. O golo já em tempo de compensação deu uma gigante alegria ao conjunto que mais pontos conquistou após os 90'. Com um golo de Ibai Gómez aos 90+3' diante do Real Valladolid, outro de Jonathan Calleri no mesmo minuto contra e o Getafe CF e agora o tento de Manu García que agravou a crise do Real Madrid aos 90+5', o Deportivo Alavés conquistou cinco pontos no tempo adicional concedido pelo árbitro.

Em comparação com 2017/18, o Deportivo Alavés teve um crescimento impressionante. Após oito jornadas na época passada, a equipa somava apenas três pontos e ocupava o penúltimo lugar da tabela classificativa. Hoje, a formação de Abelardo Fernández tem 14 pontos e chegou a partilhar a liderança com o Real Madrid e o FC Barcelona. A vitória do Atlético Madrid sobre o Betis, já este domingo, remeteu os três emblemas para a segunda posição, mas a noite que passou no topo entrou para a história. Foi apenas a terceira vez que o Deportivo Alavés chegou ao primeiro lugar, sucedendo à terceira jornada de 1930/31 e às jornadas 15 e 16 de 2001/02.

Tudo isto com um treinador que nem tem tido uma carreira brilhante ou promissora. Com 48 anos, Abelardo Fernández destacou-se como jogador no Sporting Gijón e no FC Barcelona, clubes onde passou muitos anos antes de terminar a carreira no... Deportivo Alavés. Estreou-se como treinador na equipa B do Sporting Gijón, liderou formações dos escalões secundários em Espanha e assumiu o comando técnico dos 'rojiblancos' em 2013/14. No ano seguinte subiu ao mais alto escalão em Espanha, mas não teve um primeiro ano fácil na La Liga. Assegurou a permanência por apenas um ponto, o que lhe valeu a continuidade no cargo. No entanto, e após apenas três vitórias em 20 partidas, foi despedido a meio de 2016/17.

Foi já com a época passada a decorrer que Abelardo Fernández pegou no Deportivo Alavés. O clube tinha apenas quatro vitórias até essa altura e corria o risco de descer, mas o técnico mudou tudo e conseguiu a impressionante marca de 16 triunfos em 29 partidas, assegurando a permanência com tranquilidade. 2018/19 é só a continuidade do bom trabalho.

Sê o primeiro a comentar: