Grande Futebol
Buffon: "Falhámos algo importante até a nível social"
Redação Bancada
2017-11-13 22:40:00
O guarda-redes italiano tinha o rosto lavado em lágrimas quando abordou a eliminação da “squadra azzurra”

Gianluigi Buffon era a imagem da desolação que invadiu os italianos no final do empate (0-0) frente à Suécia que significou o afastamento da Itália do Mundial’2018 e com o rosto lavado em lágrimas revelou-se desgostoso por abandonar a “squadra azzurra” com um resultado tão negativo.

“Sinto muito por mim, mas por todos os italianos. Falhámos algo importante até a nível social, esse é o único lamento que tenho. É um desgosto que esta última partida oficial pela seleção coincida com a eliminação de um mundial.”

O mítico guarda-redes de 39 anos deixou ainda algumas palavras para os guardiões que deverão tomar o seu lugar na seleção: “Somos italianos, sempre capazes de ressuscitar. Deixo agora a baliza para o grande Donnarumma e para o Mattia Perin que é um ótimo guarda-redes”, sublinhou.

Sobre a partida, Buffon fez questão de dizer que a Itália não desprezou o oponente e que a falta de discernimento esteve na base da eliminação italiana: “Não desprezámos em nenhum momento a Suécia, mas não fizemos o melhor que pudemos. Era difícil recuperar de um golo, a nível mental, psicológico. Perdemos o discernimento poder marcar e a Suécia soube jogar com isso”, destacou.

 

Sê o primeiro a comentar: