Grande Futebol
Bosingwa parou aos 33, tem 37 anos e agora só quer "desfrutar a reforma"
2019-10-08 14:35:00
Não coloca de parte um eventual regresso ao futebol

José Bosingwa tem 37 anos e há várias épocas que pendurou as botas, de forma discreta. Agora, passados alguns anos, explica as razões que o levaram a deixar de jogar e a não ter feito qualquer declaração pública a avisar que deixaria os relvados.

"Durante toda a minha carreira raramente dava uma entrevista. Sempre fui muito 'low profile', então foi uma decisão minha. Quis parar e não quis que ninguém... aqueles comunicados, não", explicou, em entrevista ao jornal 'A Bola', salientando ter sido uma decisão própria.

"Informei a minha família, que é o mais importante, e deixei de jogar futebol."

Revisitando a carreira, Bosingwa diz que o futebol lhe deu "tudo" que podia sonhar. "O que é que eu poderia pedir mais?! Ganhei tudo o que havia para ganhar, cumpri os meus sonhos e agora é desfrutar do momento e de tudo o que consegui na minha carreira."

Fora dos relvados, Bosingwa não esconde que um dia poderá voltar ao futebol. "Neste momento não penso a longo prazo e não estou obcecado por voltar ao futebol. Agora quero desfrutar da minha reforma, deste tempo que tenho tido. Tenho mais tempo para mim, para a minha família, para os meus amigos e para o padbol, que é um hobby. Em termos de futuro nunca se sabe. Se calhar um dia vou estar ligado ao futebol, de certeza".

Depois de alinhar no Boavista e no FC Porto, o internacional português rumou à Liga inglesa onde alinhou várias épocas no Chelsea e uma no QPR. Posteriormente, mudou-se para a Turquia onde alinhou pelo Trabzonspor.